Marcas

Início Notícias Marcas

A escola da Wolf & Rita

Entre as diferentes disciplinas, a Wolf & Rita tem revelado particular apetência para a matemática e geografia. Nos números, são 100 mil peças por ano e uma faturação que ultrapassa o milhão de euros. No mapa da marca de vestuário infantil, Japão e EUA estão mais próximos do que se julga.

Kozii, a globetrotter

Percorrendo o globo em busca de materiais exclusivos, as coleções da Kozii contam histórias de multiculturalismo através das técnicas de tecelagem e estampagem. Mas, depois das viagens, a marca de vestuário e acessórios regressa sempre a casa, a Portugal.

Why Knot?

O nó que une os dois sentidos da Knot foi dado há dez anos atrás por Carla Caetano. Impulsionada pela ideia de lançar uma marca contadora de histórias e orientada para a família, surgiu a Knot, de nome inglês, mas completamente embebido na cultura portuguesa.

Patachou na montra do mundo

A Patachou nasceu com o sonho de vestir os mais pequenos e a ambição de conquistar os maiores palcos do mundo. A montra que ocupa no Harrods, em Londres, é a prova de que a marca singrou no mundo da moda aliando o clássico ao chique, com um toque de modernidade.

Wonder Laces une laços com Angola

Quantas vidas pode ter um par de sapatilhas? Quantas a Wonder Laces desejar. A marca portuguesa tem vindo a personalizar calçado com aplicações originais desde 2017 e, se os primeiros passos foram dados no Porto, em 2018 a caminhada tem Angola como destino.

Baseville: regresso aos básicos

Nasceu uma nova marca portuguesa com fortes convicções e sustentada em padrões que desafiam o ritmo acelerado do quotidiano. Chama-se Baseville e adotou como sua cruzada o regresso aos básicos intemporais produzidos em apenas três cores neutras, mas com mentalidade “verde”.

Elementum: malhas multifunções

Contribuindo para a política de desperdício zero da marca, as peças em malha da Elementum chegam a ter cinco funções. Os recém-chegados tecidos de camisaria seguem a mesma matemática. Já nos mercados – da Alemanha ao Japão – é sempre a somar.

Berg Outdoor em expansão

A Berg Outdoor investe na internacionalização e aposta na presença em duas grandes feiras internacionais para apresentar as mais recentes novidades. A Ispo na Alemanha e a Asap em França são as rampas de lançamento eleitas para ganhar mais quota no mercado externo.

Dona da Quicksilver deita a mão à Billabong

A marca australiana de surfwear Billabong aceitou a oferta de compra da empresa norte-americana Oaktree, dona da Quicksilver e sua acionista maioritária. O negócio ficou fechado nos 380 milhões de dólares australianos, o equivalente a 248 milhões de euros.

Andorine voa mais alto

Fundada em 2015 a pensar no mercado internacional, a marca de moda infantil Andorine tem aberto as asas e, tal como o animal que lhe dá nome, tem migrado para várias paragens, com ninho já montado no Barney’s em Nova Iorque e no universo virtual da Farfetch.

Mais vistas