Início Arquivo

800 milhões de contos e nem uma fábrica

Num período em que todos os grandes grupos apresentam os seus resultados referentes ao exercício de 1999, não se pode deixar de destacar o gigante sueco Hennes & Mauritz, responsável por um nível de facturação de cerca de 800 milhões de contos, apresentando um aumento de 28% relativamente ao ano de 1998, e com resultados líquidos de 74 milhões de contos (mais 34%). O grupo H&M, fundado em 1947, apresentando o conceito «moda e qualidade ao melhor preço», vende actualmente vestuário e cosméticos em mais de 576 pontos de venda distribuídos por 12 países europeus, iniciando os seus negócios nos Estados Unidos e em Espanha neste ano. Na Suécia, o grupo tem investido no comércio electrónico e conta com a filial H&M Rowells para vender vestuário por correio para os países nórdicos. Tem o mercado alemão como principal cliente — que absorve 32% de um negócio orientado em 82% para a exportação —, com 156 pontos de venda, seguindo-se a Suécia com 119 estabelecimentos. O grupo detém ainda 53 lojas na Noruega, 49 na Holanda, 43 na Dinamarca, 41 na Suíça, 32 na Áustria, 31 na Bélgica, e 30 em Inglaterra, entre outras. Só nos dois últimos anos, este grupo inaugurou 120 pontos de venda e, para iniciar o seu negócio nos Estados Unidos, vai abrir uma loja na 5ª Avenida. Com 17 mil empregados, a H&M não tem nenhuma fábrica, trabalhando com cerca de 900 fornecedores. Metade da produção é realizada na Europa e o restante principalmente na Ásia. Conta ainda com 15 gabinetes de controlo de produção (sete na Europa e oito na Ásia), e emprega 60 desenhadores que com a direcção e o departamento de compras lançam cada colecção de vestuário. A primeira loja fundada por Erling Person chamava-se apenas Hennes, que significa, em sueco, «para ela», vendendo apenas roupa de senhora em cidades de província. Mais tarde, instalou-se em Estocolmo, adquirindo um estabelecimento denominado Mauritz Widforss, no qual existia uma colecção de roupa para homem. Foi então que adoptou o nome actual, estendendo a gama de produtos a homem, criança e bebé.