Início Arquivo

A gestão na globalização têxtil

A implementação desta solução de gestão do ciclo de vida do produto (PLM) vai prolongar-se pelos próximos três anos e permitirá, à Gloria Jeans, expandir a sua gama de produtos destinada aos segmentos infantil e juvenil, assim como a sua rede de distribuição.«O nosso objectivo é alargar a oferta, aumentando de forma significativa o número de produtos, em denim e noutros tecidos, para proporcionar um vasto leque de escolha, quer em modelos quer em materiais, aos nossos clientes. O nosso segundo desafio é desenvolver a rede de distribuição directa e indirecta», explica J. Carlos Samper, vice-presidente sénior das operações da cadeia de aprovisionamento da Gloria Jeans. Cerca de 100 trabalhadores da empresa russa privada, que possui as marcas Gloria Jeans e Gee Jay, estarão implicados no uso quotidiano desta ferramenta de gestão desenvolvida pela Lectra. Este software substituirá os numerosos e-mails e fotocópias que circulavam entre a sede da empresa, em Rostov-On-Don, e as suas várias fábricas.A empresa possui também um escritório em Xangai, consagrado à certificação da qualidade, criação e aprovisionamento junto de sub-contratados chineses. A Gloria Jeans aplicará também este sistema de gestão para supervisionar mais facilmente os seus desenvolvimentos e optimizar a sua cadeia de abastecimento gerida a partir das suas instalações em Xangai. Acima de tudo, o PLM proporcionar-lhe-á uma versão única da informação, actualizada em tempo real, assegurando assim que o trabalho avança segundo os orçamentos e prazos estabelecidos. Deste modo, a empresa poderá sequenciar as etapas de um projecto de colecção, dar prioridade às acções-chave, sincronizar as tarefas e identificar os problemas processuais em tempo real. A boa gestão dos fluxos permitir-lhe-á reduzir os custos de colecção e acelerar o lançamento desta no mercado. A Gloria Jeans é uma das maiores produtoras de vestuário de criança, jovem e adulto da Rússia e, até mesmo, da Europa. A empresa é especialmente reconhecida pela sua vertente moda e experiência nos segmentos streetwear e sportswear.A empresa dispõe actualmente de um efectivo superior a 15.000 pessoas, que produz e vende cerca de 20 milhões de peças de vestuário por ano. Em 2006, o seu volume de negócios cifrou-se em 170 milhões de dólares. A sua presença estende-se por todas as regiões da Federação russa, Ucrânia, Kazaquistão, Bielo-Rússia, Brasil, China, Japão, Turquia, Polónia, Itália e EUA. Nos próximos anos, a Gloria Jeans planeia aumentar o seu número de lojas próprias para 600.