Início Arquivo

A guerra das marcas e das Marcas

A Asda defende que existe muito pouca diferença na qualidade entre um par de calças de marca detidas por supermercados e outras jeans que custam até sete vezes mais. Numa série de testes independentes, comparou-se um par de jeans clássicos da Asda, com jeans de marcas caras, com preços que chegavam até aos 89.96 euros. O resultado vem através de uma pesquisa promovida pela George, marca de jeans comercializada pela Asda, em que os jeans em questão foram vendidos a 13.08 euros. Os testes comparavam as calças de ganga durante a lavagem e a secagem, para confirmar a enrugagem, e a resistência dos jeans em questão. Foi encontrada muito pouca diferença entre a marca de jeans da George e as outras marcas testadas: Next, Gap, Levi’s e Diesel. Depois de todos os pares de calças terem sido lavados e secos, os da Gap foram os que encolheram menos, a Asda ficou em terceiro lugar neste teste. As mais caras da gama – Diesel – foram as que mais encolheram. Usando um teste para recriar o uso abusivo ao longo do tempo, as jeans da Asda foram consideradas tão fortes como as da Gap e da Diesel, enquanto que as Levi’s se saíram pior. Todas as calças desbotaram da mesma forma depois da primeira lavagem, de acordo com a pesquisa, já pela quinta lavagem, as jeans da Diesel eram as que mais se encontravam desbotadas. Um porta voz para a Levi’s afirmou que iria comentar os testes, só depois de verificar os resultados. A Next disse que não estava preparada para comentar a não ser que pudessem ver todas as jeans usadas nos testes. Numa sondagem pública feita a 1000 pessoas, também promovida pela Asda, 75% das mulheres e 70% dos homens garantem que as jeans de marcas mais acessíveis são tão boas, ou até mesmo melhores do que as marcas caras.