Início Arquivo

A lingerie já não é o que era

Líder no mercado do Extremo Oriente, a japonesa Wacoal tem uma forte presença em solo americano através da sua subsidiária Wacoal América, criada em 1983. Aqui, tem procurado construir um portfolio de clientes fiéis no segmento topo de gama para a sua roupa interior feminina, que é já comercializada em 6.362 lojas por todos os EUA, incluindo no expoente máximo do luxo – a 5ª Avenida.

Deste modo, o lançamento do inovador soutien iBra no mercado americano constituiu mais um esforço para consolidar esta posição, assim como para marcar sua transição da «estética feminina» para o «lifestyle feminino», tal como explica o seu conselheiro corporativo Hisami Kashitni.

Em 1995, Hisami Kashitni foi distinguido com o Prémio Mimosa pelo seu significante contributo para a indústria da moda com o conceito “Golden Canon” que estabeleceu os padrões industriais ergonómicos para a roupa interior feminina contemporânea. A própria ITV, considera-o um pioneiro no domínio da I&D em soutiens, incluindo a investigação na sua construção e propriedades de conforto, que em alguns casos podem atingir os 50 componentes por artigo. 

Sobre o novo soutien iBra “sem costuras”, em malha de teia e confeccionado numa máquina de costura ultra-sónica, Kashitni adianta que «é ideal para quem usa roupa muito junto à pele. A respirabilidade do produto constitui a chave do seu sucesso, e não somente a sua forma de construção». O soutien é também caracterizado por uma superfície exterior plana e macia, e onde a construção interior assume uma importância crítica. «Este novo produto permitiu-nos já realizar um volume de negócios que ascende a 1 milhão de dólares», acrescenta o relações públicas Masao Kokuryo.

Para o mercado do vestuário para desporto, a Wacoal acaba também de lançar uma nova gama de leggins de alta performance destinado ao segmento de homem – o CW-X. Esta peça de vestuário activo é especialmente dirigida a corredores, escaladores e outros atletas cujos membros inferiores são sujeitos a grandes esforços físicos. Os diferentes tipos de estrutura de malha proporcionam respirabilidade, suporte e compressão a fim de melhorar o desempenho vascular e sanguíneo em áreas específicas da perna. «Trata-se de um artigo bastante popular entre os jogadores da primeira liga japonesa de basebol, ecom um sucesso crescente na liga americana», revela Kokuryo. A empresa lançou também um soutien desportivo CW-X, cujo apoio é proporcionado por “encapsulação” do peito.

Olhando à volta do showroom da empresa, situado em Kioto, é patente o domínio que a alta qualidade e a alta moda exercem no negócio da Wacoal. Inclusive existe uma área na recepção principal dedicada à La Perla, a marca de lingerie europeia de topo de gama, com a qual assinou um acordo exclusivo de distribuição e comercialização para o mercado japonês no último mês de Maio.

«Queremos continuar a apostar na diferenciação dos nossos produtos e a desenvolver um design que não é facilmente copiado. A nossa estratégia é conceber produtos que os outros não são capazes», sustenta Hisami Kashitani, ao mesmo tempo que enfatiza que a Wacoal continuará a combinar um apurado sentido estético com altos padrões de conforto e qualidade.

Para permanecer na linha da frente da I&D, a Wacoal construiu uma das bases de dados mais extensiva e completa das dimensões femininas a nível mundial. Esta base resulta de um estudo iniciado há 40 anos sobre as formas femininas e inclui mais de 30.000 medições individuais em todos os grupos etários. Assim, compreende-se como é possível vender mais de 39 milhões de soutiens por ano.