Início Arquivo

Adidas: uma história atribulada

Após a compra da Reebok, referida em notícia publicada ontem, apresentamos a história da Adidas, que começou como uma empresa familiar, em 1949, numa vila bávara. O fabricante de equipamentos desportivos tornou-se no gigante que hoje é após décadas conturbadas. Número um na Europa, com a compra da Reebok passa a poder jogar na mesma divisão que o até agora incontestado líder mundial, a Nike.

A empresa nasceu de uma ruptura entre dois irmãos, Adolf e Rudolf Dassler, filhos de um sapateiro, que já manufacturava sapatos de desporto antes da II Guerra Mundial. Juntando o seu diminutivo “Adi” e a primeira sílaba do seu apelido “Das”, Adolf criou a hoje bem conhecida marca. O seu irmão Rudolf instalou-se do outro lado da cidade e fundou outro dos grandes do sector, a Puma.

Depois de Adolf, o seu filho Horst continuou o negócio, mas a sua morte em 1987, aos 51 anos, atirou o grupo, já ameaçado pela concorrência da Reebok e da Nike, para um período difícil. A Adidas foi então comprada por Bernard Tapie, com o apoio do Crédit Lyonnais. “A Adidas é o negócio da minha vida”, declarou na altura o empresário francês, mais tarde conhecido por ter sido presidente do Olympique de Marselha. Dois anos mais tarde, a Adidas reportava fortes perdas, apesar de um recurso massivo à sub-contratação e a despedimentos. Tapie revendeu a sociedade em 1993 a um grupo de investidores privados e públicos. Sob a batuta de Robert Luis-Dreyfus a empresa renasceu. Empenhou-se em renovar a gama de produtos e refez a imagem de marca, contratando estrelas de primeira grandeza da época, tais como Madonna. Dois anos mais tarde, a Adidas passou a ser cotada em bolsa.

Tentada pela diversificação, a Adidas comprou, em 1997, a Salomon, que passou a ter o nome justaposto ao seu. Mas a parceria durou apenas oito anos, e a Adidas teve que vender a Salomon aos finlandeses da Amer Sport. No terceiro trimestre de 2005, a Salomon já não aparecerá nas contas da Adidas.

Ontem, foi acrescentado um importante parágrafo à história deste gigante: comprou a Reebok.

A Adidas é especialista em sapatos de desporto e equipamentos desportivos. O equipamento de golfe, por outro lado, está em pleno crescimento e já faz parte do core business do grupo alemão.