Início Arquivo

Americanos compram mais roupa online

Durante a época natalícia, os americanos fizeram compras online que chegaram aos 25 mil milhões de dólares, estando o vestuário e os artigos electrónicos no topo da lista dos produtos mais vendidos. A Goldman, Sachs & Co, Nielsen/NetRatings e a Harris Interactive indicam no seu relatório das compras na Internet durante a época de Natal – Holiday eSpending Report – que o vestuário se apresentava no topo da lista dos artigos mais comprados, enquanto os artigos ligados aos computadores e produtos electrónicos, juntos, asseguravam a segunda posição e representavam 28 por cento do gasto total online com 3,75 mil milhões e 3,67 mil milhões de dólares, respectivamente. O estudo foi conduzido num universo de mil adultos e mostra claramente que as compras online estão a ser preferidas por grande parte dos americanos, que se mostram bastante satisfeitos com a escolha. Enquanto o vestuário ganha terreno nas transacções online, os grandes retalhistas como a Macy’s, Wal-Mart e Sears, para além das famosas marcas como a Gap e a Eddie Bauer, adaptam-se a esta nova tendência com muito sucesso.Para não ficar para trás, onde se consideram motores de busca como Google (40% da preferência), Yahoo (20,9%) e sites de venda online como Amazon (25,1%) e ebay (23,4% das preferências) que despertam a imaginação dos compradores online ajudando-os a seleccionar a enorme quantidade de informação acerca do vestuário, têxteis, moda, calçado, acessórios, brinquedos, brindes e diversos.