Início Notícias Tecnologia

As inovações que saíram de Frankfurt

Os quatro dias da Techtextil e Texprocess estiveram muito preenchidos com novidades que irão definitivamente mudar, em alguns casos, o mercado. Das linhas com identificador às novas soluções de repelência à água e nódoas, várias foram as propostas dos milhares de expositores presentes.

Freudenberg Performance Materials

Além das tecnologias distinguidas com os Prémios de Inovação da Techtextil e da Texprocess e das muitas inovações apresentadas pelas empresas portuguesas – que pode conhecer na edição de maio do Jornal Têxtil –, os milhares de expositores na feira de têxteis técnicos e não-tecidos Techtextil e na feira de processamento de materiais flexíveis Texprocess provaram que a inovação está em alta. O just-style.com fez um resumo de algumas das propostas mais disruptivas que encontrou.

Soluções de activewear

A especialista suíça em corantes e químicos especiais Archroma apresentou vários novos sistemas pensados para acrescentar valor em aplicações no mercado de outdoor e activewear. É o caso da Color Vibe, que mantém as cores mais vibrantes em sportswear de poliamida «lavagem após lavagem», do Fast Sport, um sistema de tingimento para sportswear em malha de poliéster, que dá «a melhor solidez de cor no tempo mais curto possível» com uma pegada ambiental reduzida, e a Odor Control, para uma maior longevidade, frescura e conforto do utilizador devido à tecnologia de longa duração de dupla-ação Sanitized Odoractiv 10.

Além disso, a Archroma também partilhou detalhes sobre a sua nova gama de corantes dispersos de elevada performance para sportswear de poliéster, a Foron SP-WF, que pretende dar a melhor performance para lavagens repetitivas.

Linhas com identificador

A especialista em linhas de costura e para bordados American & Efird fez uma antestreia das suas novas linhas com etiquetas de ADN molecular – Integrity – desenvolvidas em parceria com a empresa de autenticação de produtos Applied DNA Sciences.

As novas linhas de costura foram desenvolvidas com uma tecnologia de validação de base molecular CertainT e são uma ferramenta para ajudar as marcas a resolver a contrafação e os desvios nas suas cadeias de aprovisionamento.

«Um dos grandes desafios que as marcas enfrentam hoje está centrado na autenticidade. A perda de receitas, de reputação e de confiança na marca são alguns dos potenciais resultados dos produtos contrafeitos», explicou o presidente da American & Efird, Chris Alt.

Nova fibra de TPU

A empresa de polímeros Covestro propôs novos desenvolvimentos sustentáveis com a tecnologia Insqin para revestimentos têxteis aquosos, assim como uma dispersão de poliuretano de base aquosa que permite revestimentos têxteis biodegradáveis.

Covestro (Insqin)

Um dos destaques foi o vestuário de outdoor respirável mas à prova de água, pensado para proteger da chuva quem corre ou faz caminhadas, mas ao mesmo tempo afastar o suor da pele. Com a tecnologia Insqin, os têxteis são revestidos com dispersões de poliuretano de base aquosa sem a utilização de solventes.

A empresa mostrou também uma nova fibra de termoplástico de poliuretano (TPU), que pode ser usada em calçado, têxteis funcionais, acessórios de desporto e vestuário casual. Em comparação com as fibras convencionais de politereftalato de etileno, esta nova fibra caracteriza-se por uma melhor resistência à abrasão e pode ser produzida a temperaturas mais baixas. Resistência ao rasgo e um bom toque são vantagens adicionais.

Alternativa às penas

Na Texprocess, a Freudenberg Performance Materials apresentou o que afirma ser o primeiro enchimento do mundo fabricado com bolas de fibras contínuas, que funcionam como substituto das penas em vestuário.

Feito a 100% a partir de fibras de poliéster reciclado, o Comfortemp Fiberball Padding Eco combina as vantagens do acolchoamento e das penas, tornando-o a «solução ideal» para o segmento do desporto e outdoor, mas também passível de ser usado em vestuário de moda. É produzido sem a utilização de químicos e oferece uma ótima respirabilidade.

Linha tingida à medida

A sueca Coloreel regressou à Texprocess com a sua tecnologia com tingimento imediato de linha completamente industrializada e disponível para o mercado. A tecnologia permite ter apenas uma linha branca que é colorida durante a produção, por exemplo, de bordados, dando aos utilizadores a liberdade de criar bordados sem qualquer limitação na utilização de cores.

No ano passado, a Coloreel disponibilizou a tecnologia na Europa após ter dado o primeiro passo na construção de uma rede de distribuição global.  Empresa recebeu o Prémio de Inovação da Texprocess na categoria de Nova Tecnologia em 2017.

Retenção de calor em vestuário com isolamento

A empresa suíça HeiQ apresentou o XReflex, uma tecnologia de barreira radiante que funciona para reduzir a perda de calor – permitindo manter o mesmo nível de temperatura com metade do material de isolamento.

Coloreel

Um revestimento de superfície ultrafino e refletor, que é aplicado através da deposição por vapor, permite que a tecnologia reflita o calor irradiante do corpo, aumentando a resistência térmica sem alterar a permeabilidade ao ar. Em conjunto com o material de isolamento otimizado HeiQ XReflex, a combinação cria «uma retenção de calor ideal» para vestuário isolante e é mais adequado a casacos e calças para outdoor e desporto, assim como para casacos e sobretudos lifestyle.

Quando se usa HeiQ XReflex2 (duas camadas de tecido Heiq XReflex), a empresa afirma que se pode poupar até 50% do material de isolamento e que a pegada ambiental por casaco standard pode ser reduzida em seis litros de água, 280 g de CO2 e 10 MJ (ou 2,78 kWh) de energia.

A HeiQ desenvolveu ainda recentemente uma tecnologia de tecido inspirada na pele dos tubarões para a mais recente linha de fatos de natação da marca de swimwear Speedo. A linha LZR Pure Intent da marca tem uma construção de tecido triplo pensada para melhorar a compressão e a flexibilidade, com uma tecnologia inspirada na pele do tubarão para reduzir o arrasto.

Repelência à água sustentável

Expandindo a aliança de longo prazo entre a Huntsman e a Chemours, a Hunstman Textile Effects apresentou a sua gama de repelentes à água duráveis, que inclui o Phobotex e o Zelan para acabamentos à prova de água de elevada performance e sem fluorcarbonetos.

HeiQ

A empresa mostrou ainda as tintas de sublimação de base aquosa Terasil TS que proporcionam elevada cobertura de cor e uma melhor performance para sportswear e vestuário de moda, assim como a gama de corantes Terasil W/WW para poliéster. A gama consegue «uma performance à primeira», está aprovada pela Bluesign e é adequada para produtos têxteis certificados com o Standard 100 by Oeko-Tex.

Fim aos maus odores sem biocidas

O Odour Breakdown é a mais recente adição à família de controlo de odores da Devan Chemicals. A nova solução resistente à lavagem e não-biocida da empresa funciona para capturar e neutralizar os maus odores produzidos por bactérias e reduz também a aderência das bactérias aos tecidos.

Tem níveis de aplicação distintos para responder a diferentes necessidades de produto, com a durabilidade em termos de lavagens a determinar o nível de aplicação. Além disso, contém também a tecnologia Moov&Cool da Devan, que significa que no nível mais elevado de aplicação, a somar ao controlo de odores, a tecnologia pode ajudar a arrefecer durante as atividades desportivas.

Imitação de couro à base de água

A Trans-Textil revelou novos produtos na Techtextil, incluindo uma imitação de couro respirável à base de água e laminados em malhas de teia 3D.

Componentes puramente à base de água são o ponto de partida para a Aquair, a oferta de couro sintético da empresa.

Trans-Textil (Topaz Fusion)

O processo de produção não só dispensa completamente solventes orgânicos, como oferece igualmente um elevado grau de liberdade no design em termos de estrutura, tingimento e propriedades técnicas na camada funcional resistente á abrasão da Aquair, indica a Trans-Textil. Juntamente com o seu portefólio de sistemas de membranas, substratos e tecnologias têxteis, o processo cria produtos multicamada para calçado e vestuário.

Ao mesmo tempo, a empresa desenvolveu igualmente laminados em malha de teia 3D para a coleção Topaz Fusion, em colaboração com a sua parceira Penn Textile Solutions. Áreas funcionais específicas com base em regiões corporais para vestuário de proteção, outdoor e de lazer são integradas diretamente no processo de tricotagem, controlado digitalmente. Por exemplo, zonas de rede com um tamanho de buraco específico para respirabilidade à medida ou estruturas 3D resistentes à abrasão podem ser colocadas exatamente onde são necessárias.

Para uma visão mais clara, sistemas de membrana transparentes ou coloridos da Trans-Textil são usados, enquanto o design destaca os laminados de três camadas. Os materiais certificados Oeko-Tex de origem europeia, os acabamentos sem PFCs da linha Topaz clean4green e distâncias curtas entre locais de produção no processamento na Alemanha também contribui para uma cadeia de processamento ambientalmente responsável.

Acabamentos anti impressões digitais

A Schoeller lançou a sua nova tecnologia de acabamentos NanoSphere Plus, que funciona como escudo contra impressões digitais e nódoas de gordura.

Schoeller

Desenvolvida pela Schoeller Technologies AG, a NanoSphere Plus confere aos tecidos um acabamento que reduz o efeito de capilaridade nas fibras. Os resíduos que são muitas vezes libertados pelas impressões digitais são menos absorvidos pelo tecido e podem ser facilmente limpos, garante a empresa.

Os têxteis com NanoSphere Plus são ainda repelentes à água e à gordura, resistentes à abrasão e «extremamente duráveis». Embora seja mais adequada para têxteis não-laváveis, a NanoSphere está também a ser usada em vestuário de desporto e outdoor, formal e de trabalho.