Início Breves

Breves

  1. Portugueses invadem Ambiente
  2. Stara do Évora Plaza confia na Gateway
  3. 350 empregos disponíveis para ex-trabalhadores da Ricon
  4. C&A reforça aposta na sustentabilidade
  5. WeChat desafia luxo na China
  6. Marita Moreno desfila em Nova Iorque

1Portugueses invadem Ambiente

Até ao próximo dia 13 de fevereiro, 80 empresas portuguesas apresentam-se na Ambiente, em Frankfurt. Nesta edição, o salão recebe quase 4.500 expositores oriundos de 94 países para desvendar aos visitantes profissionais as tendências nos sectores de Dining, Living e Giving. São esperados mais de 141.000 compradores de todo o mundo, à procura das mais recentes novidades para mesa e cozinha, decoração de interiores, fragrâncias, gifts e acessórios pessoais. «A Ambiente tornou-se incontornável para as empresas nacionais, com Portugal a marcar presença há várias décadas, sobretudo no sector dedicado a mesa e cozinha. Entre as centenas de empresas de cerâmica, grés, loiça metálica e cutelaria podem encontrar-se marcas bem conhecidas do público português», sublinha a organização, da responsabilidade da Messe Frankfurt. É na Ambiente que empresas como a Silampos, a Cutipol, a Vista Alegre ou a Spal encontram os seus principais clientes internacionais. O Top 10 dos países com maior número de visitantes é constituído pela Itália, China, França, Reino Unido, Espanha, EUA, Holanda, Suíça, Coreia do Sul e Turquia. Dada a importância do evento para as empresas da Região de Leiria, a NERLEI – Associação Empresarial da Região de Leiria apoia a participação multissetorial de cerca de 50 empresas portuguesas no âmbito de projeto de internacionalização enquadrado no Portugal 2020. Este ano, o país parceiro da Ambiente é a Holanda.

2Stara do Évora Plaza confia na Gateway

A Stara, loja de artigos de moda, desporto e acessórios, é uma das 80 lojas que fazem parte do Évora Plaza, o primeiro centro comercial do Alentejo. A empresa Bom Calçado, detentora da marca Stara, consultou o mercado dos especialistas em proteção e soluções antifurto para o retalho, acabando por selecionar a Gateway como parceira para esta área. «Dada a diversidade dos produtos em exposição, a Gateway optou por implementar um conjunto de soluções integradoras para proteção dos produtos expostos e promoção das vendas», esclareceu a Gateway em comunicado. Na entrada da loja Stara, é possível encontrar a instalação de quatro antenas Fusion. Indicadas para entradas largas e muito movimentadas. «As antenas Fusion são a solução de proteção adequada para os retalhistas que pretendem manter o layout da sua loja, sem comprometer o aspeto visual geral da loja», acrescentou a empresa. Com um design moderno e minimalista e feitas em acrílico, segundo a Gateway, as antenas Fusion são a proposta de proteção mais adequada por se fundir no look da loja, passando despercebidas aos olhos dos clientes, mas garantindo total proteção e segurança dos produtos expostos. Para os produtos no linear, como calçado de homem, senhora e criança, bem como artigos de viagem, desporto e marroquinaria, a Gateway instalou hard tags e labels, que funcionam em regime integrado com as antenas instaladas à porta da loja.

3350 empregos disponíveis para ex-trabalhadores da Ricon

A câmara municipal de Vila Nova de Famalicão avançou com uma bolsa de disponibilidade imediata de 350 empregos para os trabalhadores da Ricon. Só a Coindu, empresa de capital alemão instalada na vila de Joane direcionada para a produção de componentes têxteis para a indústria automóvel, tem abertas as portas para a contratação de 100 costureiras. A Riopele é outro exemplo de uma empresa a necessitar de mão de obra do sector, com 58 empregos disponíveis. Já a Malhinter e a Scoop precisam no conjunto de preencher 35 novos postos de trabalho para a sua confeção. Mas há também exemplos de empresas de outros sectores com necessidades ao nível dos recursos humanos que podem vir a absorver algumas das pessoas que se viram confrontadas com o desemprego na sequência do encerramento da Ricon. É o exemplo da Primor, empresa do ramo agroalimentar, que deu conhecimento à câmara municipal da necessidade de preenchimento de 46 novos postos de trabalho, 40 dos quais indiferenciados. Esta verdadeira “chuva de empregos” começou a chegar à Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão logo a seguir às notícias que davam conta do encerramento da Ricon e na sequência do anúncio da abertura de uma linha de apoio destinada aos trabalhadores desta empresa por parte da câmara municipal. «Fomos contactados por um conjunto de empresários famalicenses que nos manifestaram as disponibilidades que têm ao nível de recursos humanos e fomos também ao encontro de outros onde suspeitávamos da existência de necessidades a este nível», assinala o presidente da câmara municipal, Paulo Cunha, explicando que o processo não está encerrado e que «é muito provável que nos próximos dias esta bolsa de disponibilidades de emprego cresça ainda mais». A Câmara Municipal vai agora fazer chegar ao Centro de Emprego de Vila Nova de Famalicão a informação que dispõe de forma a que seja acionada a ligação entre estas empresas e os funcionários da Ricon para a sua eventual contratação. Para além da bolsa de empregos que naturalmente surgiu na sequência das diligências efetuadas pela câmara municipal, a autarquia está a prestar apoio aos funcionários da Ricon ao nível do atendimento social, com encaminhamento das situações de eventual carência económica para os apoios e programas disponíveis a esse nível no território, ao nível do apoio psicológico e ao nível do apoio à reconversão profissional dos trabalhadores, através do encaminhamento para o programa Qualifica onde os trabalhadores podem adquirir novas competências para a sua inserção noutros sectores profissionais ou para o relançamento das suas carreiras profissionais.

4C&A reforça aposta na sustentabilidade

A nova coleção sustentável da C&A, conduzida pelo slogan #WearTheChange já está disponível nas lojas nacionais. As propostas sustentáveis da marca incluem artigos para mulher, homem e criança, que aliam estilo e sustentabilidade. Com o slogan #WearTheChange, a nova coleção da marca está disponível nas lojas portuguesas desde ontem, 8 de fevereiro, e inclui produtos totalmente sustentáveis, que deram origem a peças como casacos de couro produzidos sem cromo, jeans feitos a partir de algodão reciclado, t-shirts de algodão orgânico ou casacos de poliéster 100% reciclado.

5WeChat desafia luxo na China

Na China, agora mais do que nunca, as marcas de luxo estão a fazer da sua presença na rede social WeChat uma prioridade. De acordo com um estudo da consultora Bain, as principais marcas que operam no país já têm conta oficial no WeChat, todavia, não estão a explorar todas as mais-valias da plataforma. Quando se trata de estratégias de omnicanal lideradas pelo WeChat, o sector do luxo está a ficar para trás, de acordo com Liz Flora, responsável de pesquisa na empresa digital L2. A L2 informou recentemente que as marcas de luxo estão a diversificar as formas como usam o WeChat para envolver os consumidores tanto online como offline, mas existem algumas áreas em que as marcas de activewear e as marcas de luxo acessível se destacam e as marcas de luxo estão atrasadas. Por exemplo, metade das marcas de luxo citadas no estudo da consultora Bain tem recursos de geolocalização no WeChat para ajudar os seus clientes a encontrarem lojas físicas, mas apenas 23% oferecem esse recurso globalmente para atingir os clientes chineses no exterior. Enquanto isso, apenas 13% das marcas de luxo oferecem programas de fidelidade no WeChat que também funcionam nas suas lojas físicas.

6Marita Moreno desfila em Nova Iorque

A marca portuguesa de acessórios de moda Marita Moreno apresenta hoje, 9 de fevereiro, a sua coleção outono-inverno 2018/2019 na semana de moda de Nova Iorque. O desfile coletivo de designers, marcas e criativos que fazem parte da concept store Flying Solo NYC conta com a presença de mais de 50 designers e marcas de vestuário, acessórios de moda e joalharia. «Será a primeira vez, em solo americano, que a marca Marita Moreno apresenta a sua coleção 100% sustentável dividida em três linhas: Upcycling, Vegan e Sustainable», sublinha a marca. O evento tem lugar no Pier 59 Studio, estúdio criado para servir as diversas necessidades do mundo da moda e do entretenimento.