Início Breves

Breves

  1. MO abre nova loja no Norte
  2. Está a chegar o “Fashion From Portugal 4.0”
  3. Duarte e Imauve apresentam-se na Letónia
  4. Vendas no retalho superam expetativas na China
  5. Off-White é a marca mais popular do mundo
  6. São Paulo Fashion Week com muitas novidades

1MO abre nova loja no Norte

Esta sexta, 26 de outubro, a MO abre a sua 119.ª loja em Portugal, no primeiro piso do Arrábida Shopping, em Vila Nova de Gaia, no distrito do Porto. A nova loja contará com uma gama de produtos para homem, mulher, criança e bebé. Em comunicado, a marca afirma que a abertura «vem reforçar o posicionamento da MO como uma marca para toda a família, com produtos com estilo e a bons preços, a par das principais tendências de moda». No novo espaço, com 430 metros quadradios, os coordenados serão expostos em looks totais. Haverá ainda espaço para os mais novos, com uma área dedicada totalmente aos divertimentos das crianças, denominada “MO Play”. A marca irá oferecer uma bolsa em vinil aos 100 primeiros clientes que efetuarem compras iguais ou superiores a 20 euros.

2Está a chegar o “Fashion From Portugal 4.0”

Está marcada para amanhã, dia 26 de outubro, pelas 21h30, na Faculdade de Engenharia da Universidade da Beira Interior, na Covilhã, a apresentação do programa “Fashion From Portugal 4.0”, da ATP – Associação Têxtil e Vestuário de Portugal. O programa vista a promoção internacional da imagem da indústria têxtil e vestuário portuguesa. Em comunicado, a associação explica que a iniciativa pretende «reforçar a comunicação externa de uma das fileiras mais dinâmicas e exportadoras da economia portuguesa, que surge reforçada após um duro período de ajustamento, reestruturação e modernização, pontificando, hoje, empresas altamente evoluídas tecnologicamente, reconhecidas pelo seu “know-how”, a sua criatividade, flexibilidade e intensidade de serviço, e fortemente orientadas aos mercados internacionais». Recorde-se que a ITV exporta mais de 5,2 mil milhões de euros anualmente, para mais de 180 países em todo o mundo, sendo responsável por cerca de 10% de todas as vendas de Portugal ao exterior e por um saldo líquido na Balança de Transações de mais de mil milhões de euros. A campanha surge no seguimento de um projeto com a mesma designação – Fashion From Portugal – desenvolvido ao longo de 2016 e 2017, em quatro mercados alvo: Espanha, Alemanha, Países Nórdicos e EUA. O projeto recebeu o prémio europeu de promoção empresarial (European Entreprise Promotion Awards – EEPA) da Comissão Europeia, que é coordenado em Portugal pelo IAPMEI, na categoria de Apoio à Internacionalização das Empresas. Em relação ao anterior, o Fashion From Portugal 4.0 irá, diferencialmente, apostar nas tecnologias de informação para amplificar a promoção da imagem do sector, procurando alargar os públicos e os mercados. O programa decorrerá ao longo de um ano e terá um investimento estimado de cerca de 670 mil de euros, tendo sido cofinanciando pelos Fundos Europeus Estruturais e de Investimento), enquadrados no Programa Operacional da Competitividade e Internacionalização do Portugal 2020 e Compete 2020.

3Duarte e Imauve apresentam-se na Letónia

As duas marcas, que desfilaram na mais recente edição da ModaLisboa e passaram pelo último BrandUp do Portugal Fashion, vão participar na Baltic Fashion Federation esta quinta e sexta-feira, na Letónia, no âmbito da Riga Fashion Week. Ambas as marcas foram selecionadas pela ModaLisboa para estarem presentes no showroom “United Fashion”, que inclui 16 designers da Alemanha, Bélgica, Estónia, França, Lituânia, Letónia, Macedónia e Portugal. Os designers terão igualmente a oportunidade de participar em vários workshops e seminários sobre comunicação digital e criação de marca. Duarte, marca de Ana Duarte, vai também apresentar a sua coleção para a primavera/verão 2019 num desfile na Riga Fashion Week, a convite desta organização. A coleção desfilou na ModaLisboa e foi beber inspiração no Monaco GP, numa junção entre o glamour de quem assiste ao evento, entre linhos e algodões que relembram o luxo, e o lifestyle da competição, com tecidos técnicos e peles. A ModaLisboa é parceira do United Fashion EU, um projeto de intercâmbio realizado por um grupo de oito associações europeias de moda, de sete países diferentes, que promove a criatividade, a inovação e o empreendedorismo com o objetivo de aumentar as oportunidades de negócio para designers de moda europeus.

4Vendas no retalho superam expetativas na China

A produção industrial chinesa cresceu 5,8% em setembro, em relação ao mesmo período do ano passado, defraudando expetativas, enquanto o investimento em ativos imobilizados cresceu 5,4% nos primeiros noves meses do ano, acima do esperado. Analistas inquiridos pela Reuters tinham previsto que a produção industrial iria crescer 6%, abrandando dos 6,1% em agosto. Estimava-se que o aumento no investimento iria chegar aos 5,3% nos primeiros nove meses do ano, coincidindo com o nível mínimo histórico na taxa de crescimento entre janeiro e agosto. O investimento em ativos imobilizados do sector privado aumentou 8,7% entre janeiro e setembro, comparado com um crescimento de 8,7% nos primeiros oito meses, de acordo com dados oficias. O investimento privado representa cerca de 60% do investimento total na China. As vendas de retalho subiram 9,2% em setembro, em relação ao período homologo. Os analistas estimavam que estas iriam crescer 9%, constante em relação a taxa de crescimento de agosto. Nos últimos meses, Pequim e Washington impuseram várias taxas entre si e a possibilidade de resolver a disputa comercial entre os dois países estagnou, desencadeando uma derrota no mercado interno e colocando pressão na economia chinesa, que já sofre da desvalorização da moeda.

5Off-White é a marca mais popular do mundo

A Off-White é agora a marca mais popular do planeta, segundo a última edição do Lyst Index, o relatório trimestral “obrigatório” que classifica as marcas e os produtos mais populares do mundo da moda. À frente da Gucci e da Balenciaga, a marca de culto de streetwear ascendeu 33 lugares em relação ao último Index, ultrapassando pela primeira vez as duas principais marcas no topo da tabela. As pesquisas pela Off-White entre os retalhistas parceiros da Lyst subiram 14% neste trimestre e a marca é responsável por três dos 20 produtos nas listas dos mais populares. A Nike também subiu cinco posições, com a marca de sportwear a reclamar a quarta posição. Além da colaboração contínua com a Off-White, a campanha Just Do It, protagonizada por Colin Kaepernick, ajudou a aumentar o total de tráfego de pesquisas relacionadas com a Nike em 13% neste trimestre. Quatro dos 20 produtos mais populares no Index deste trimestre são da Nike. A Prada e a Yeezy também subiram cinco lugares, tendo a última regressando ao Index, depois de um trimestre fora do top 10. Entretanto, a Dior Saddle Bag foi o produto feminino mais popular do trimestre. Quando 100 influencers mundiais publicaram uma imagem a posar com a bolsa no Instagram, a 19 de julho, as pesquisas aumentaram 957% em 48 horas, com os consumidores a pesquisarem tanto por Saddles vintages em segunda mão como por novos modelos da Dior. A moda da nostalgia dos anos 2000 também influenciou os produtos mais populares femininos, com os jeans lace-up e as sandálias Birkenstock Madrid a chegarem igualmente aos 10 primeiros lugares. Graças ao Mundial de Futebol, a lista de produtos mais populares masculinos conta, pela primeira vez, com t-shirts de futebol. As pesquisas pela t-shirt da Inglaterra de 2018 aumentaram 300% na semana que antecedeu as semifinais, vendendo em todos os tamanhos e em vários retalhistas online. Enquanto que as t-shirts nigerianas, belgas e croatas também entusiasmaram os adeptos e os meios de comunicação, foi a Inglaterra a vencedora, com o equipamento mais desejado do mundo do torneio, em termos de pesquisas e vendas. O quinto produto masculino mais vendido do trimestre foi um par de calções de basquetebol, graças ao poder da estrela e influencer LeBron James. O número de visualizações da página dos calções de basquetebol da Just Don’s, no valor de 500 dólares, subiu 210% quando LeBron James os usou para a sua primeira aparição pública, depois de assinar pelos Los Angeles Lakers.

6São Paulo Fashion Week com muitas novidades

A 46ª edição da São Paulo Fashion Week, o evento de moda mais importante da América Latina, conta com novo local, novo formato e a estreia de quatro novas marcas. O tema da edição deste ano, que arrancou a 22 de outubro e termina 26, é “Transposição”. As novidades incluem workshops, apresentações e mesas de debate. Lilly Sarti, a marca de moda gerida pelas irmãs Lilly e Renata Sarti, arrancaram o evento na passerelle no centro da cidade de São Paulo. A coleção das irmãs, denominada “Heritage” ofereceu uma visão de um inverno coberto de cor, mas com poucos padrões. Na noite fria de abertura, dominaram peças oversize com franjas, enquanto as riscas e os estampados animais se misturaram com tons terra, azul, bordeaux, preto e branco em coordenados que enfatizavam uma silhueta justa. Nomes familiares ao evento de moda brasileira, como Oskllen e Reinaldo Lourenço marcaram presença na segunda e na terça-feira, num armazém na zona industrial da cidade. Tal como nas edições anteriores da São Paulo Fashion Week, o designer brasileiro Ronaldo Fraga destacou-se, desta vez com um desfile que ofereceu mais do que cores e últimas tendências. Fraga apresentou uma coleção que diz ser uma reflecção sobre a intolerância, tendo sido fortemente influenciado pelo conflito israelo-palestiniano, que observou numa viagem a Tel Aviv em 2017. «Estamos a tornar-nos uma sociedade extremamente intolerante. Intolerante às diferenças e às minorias. Neste desfile, quis falar sobre isso», explicou o designer aos jornalistas. No final do desfile, as atenções focaram-se no centro da passerelle, à volta de uma mesa, com um banquete, com os modelos e os convidados a sentaram-se a sua volta. Mais uma vez, o designer apresentou um alinhamento diversificado de modelos, refletindo a realidade da cidade de São Paulo. A coleção contou maioritariamente com bordados azuis e padrões animais.