Início Breves

Breves

  1. Farfetch e Balenciaga unidas pelos animais
  2. Miguel Vieira impressiona em Milão
  3. MKUltra em exposição na Wrong Weather
  4. Lola Wants aposta no salmão
  5. Burberry apresenta a TB Bag
  6. Prata é a cor de cabelo de 2019

1Farfetch e Balenciaga unidas pelos animais

A Balenciaga, uma das marcas do grupo Kering, e a plataforma tecnológica criada pelo empresário português José Neves lançaram uma coleção cápsula exclusiva, cujo objetivo é promover a salvação de espécies em risco de extinção. Lançada globalmente, a coleção inclui artigos que variam entre o pronto-a-vestir, o calçado e os acessórios para mulher, homem e criança. A coleção «vai dar aos clientes da Farfetch um acesso global a peças exclusivas da Balenciaga em cores e tecidos nunca antes vistos», refere a Farfetch, em comunicado, acrescentando que a coleção não incluirá nem pele nem pelo. Algumas peças de pronto a vestir e algumas malas contam com ilustrações de animais atualmente em perigo de extinção, nomeadamente o rinoceronte branco do norte, o elefante asiático, a baleia azul e o panda gigante. «Estas imagens vão de encontro ao desejo humano de proteção, ligando as pessoas a uma causa urgente e universal, que é conservar espécies que são elementos fundamentais do nosso ecossistema. A Farfetch está orgulhosa por contar com parcerias com marcas que estão empenhadas em ter um impacto positivo e apoia os esforços da Balenciaga para alertar para este tipo de causas», acrescenta a plataforma. Por sua vez, o CEO da Farfetch, José Neves, admitiu que «na Farfetch, a Balenciaga é bastante popular entre os nossos consumidores, por isso, estamos muito entusiasmados por lançar esta nova coleção cápsula, em colaboração com a marca, que conta com peças exclusivas que não podem ser encontradas noutros locais. Achamos que esta coleção vai ser bem recebida pelos fãs da marca, bem como irá capturar a imaginação de novos clientes». Já Cédric Charbit, CEO da Balenciaga, reconheceu que «a Balenciaga está feliz por lançar esta coleção exclusiva. Chamar à atenção para espécies em risco e apoiar as ações da União Internacional para a Conservação da Natureza faz parte da nossa visão».

2Miguel Vieira impressiona em Milão

A coleção de Miguel Vieira para o outono-inverno 2019/2020, que foi apresentada na semana da Moda de Milão masculina, no passado dia 12 de janeiro, obteve a pontuação de 8.9/10 do site The Impression. «Trata-se de um reconhecimento que me deixa orgulhoso e me dá força para continuar a desafiar-me. Trabalho há 30 anos para tornar a marca cada vez mais global e a atribuição desta fantástica pontuação é um sinal de que estamos no bom caminho», afirma o criador de moda. A plataforma The Impression tem como mote a celebração da criatividade da moda a nível global.

3MKUltra em exposição na Wrong Weather

A Wrong Weather Gallery vai receber, novamente, o fotógrafo Mustafa Sabbagh no seu espaço de exposição, com a apresentação da instalação multimédia MKUltra. O artista da Jordânia apropria-se do título de um dos projetos mais experimentais e menos éticos da história da humanidade, para subverter conceitualmente o resultado. Recorde-se que MKUltra foi o nome de código dado a um programa ilegal e clandestino de experiências em seres humanos, realizado pela CIA. A exibição no espaço de exposição da loja no Porto conjuga a fotografia, a escultura e a instalação, distorcendo idades e identidades. A mostra “MKUltra” decorre de 9 a 28 de fevereiro e faz parte do calendário da celebração de 10 anos da Wrong Weather.

4Lola Wants aposta no salmão

Para a Lola Wants, a primavera 2019 será pintada por vários tons de salmão, a grande aposta da marca, mantendo-se a inspiração cinematográfica. A insígnia portuguesa de lingerie feminina aposta, igualmente, no preto, surgindo em mate ou brilhante e com jogos de texturas. Uma coleção com várias transparências, mas pensada para oferecer diversas soluções de lingerie para os visuais mais leves que aí vêm. Os formatos de soutien são variados, desde bustier a plunge bra, t-shirt bra ou triangulares, com copas moles ou moldadas e até super push-up. Nas cuecas existe também variedade de formatos. O body Bonnie, um dos produtos mais vendidos da Lola Wants, regressa na cor da estação, o salmão, e com o fitting aperfeiçoado. Nos materiais, as rendas têm um papel de destaque, mas o tule e o elastano metalizado continuam a marcar presença. A coleção de primavera já está à venda na loja, na Avenida António Augusto de Aguiar, em Lisboa, e no website da marca.

5Burberry apresenta a TB Bag

A TB Bag foi apresentada no desfile primavera-verão 2019, como parte integrante da coleção de estreia de Riccardo Tisci para a casa de moda britânica. A Burberry lança agora a coleção com vários modelos, que propõem uma diversificada gama de cores, estilos e tamanhos, incluindo uma mala pequena, uma mala média, uma bolsa de cintura e uma clutch envelope, todas com o monograma Thomas Burberry. Produzidas em Itália, em cabedal, as malas surgem com uma corrente destacável e uma alça de cabedal. A paleta de cores varia entre preto, castanho escuro e vermelho forte e tons mais suaves de rosa, mel e pistáchio. O monograma, lançado em agosto de 2018, é um retorno ao espírito do fundador da marca, tendo sido criado por Riccardo Tisci, em colaboração com o diretor de arte britânico e designer gráfico, Peter Saville, e está presente em variadas peças, tais como sapatos e acessórios da coleção primavera-verão 2019 da Burberry.

6Prata é a cor de cabelo de 2019

Segundo a L’Oréal Paris e a Vogue, a prata será a cor da moda para o cabelo em 2019. A gigante de cosmética e a revista de moda declararam a prata como “A Cor do Ano para o Cabelo em 2019” depois de uma análise das tendências de cores de cabelo, passerelles, redes sociais e ruas de todo o mundo. «A prata não só tem sido a cor mais presente nas passerelles, como é uma cor para as mulheres de todas as idades e adoramos o que a cor representa: carisma, energia, poder, foco e é, claro, bastante chique», afirma Orrea Light, vice-presidente do departamento de marketing, inovação e desenvolvimento de produto da L’Oréal Paris. «Enquanto outros aspetos da beleza têm impacto, nada se compara ao efeito de uma cor que se afirma» acrescenta Jonathan Colombini, estilista e consultor da L’Oréal Paris, que tem notado «um crescimento nos pedidos dos clientes pela cor prata este ano e adoro que a L’Oréal Paris torne a cor acessível». A revelação coincide com o lançamento da coleção da L’Oréal para uso doméstico, que conta com três tipos de tons de prata para diferentes estilos. A tonalidade tem estado em destaque no mundo da moda, tendo marcado presença em vários desfiles ao longo dos últimos anos, para marcas como a RVDK Ronald Van der Kemp, a Maison Rabih Kayrouz ou a Koche. Hollywood também alavancou a tendência, com o movimento iniciado pela modelo e atriz Cara Delevingne, em 2017, quando apareceu no MET Gala com a cabeça rapada e pintada de prata.