Início Arquivo

Cada vez mais compras on line

Espera-se que as vendas on line nos Estados Unidos cresçam cerca de 27% na próxima estação, de acordo com estimativas feitas por uma empresa que estuda as vendas na Internet, a Comscore. Esta empresa adiantou que a vendas on line de produtos (excepto viagens) irão totalizar no quarto trimestre 13,8 mil milhões de euros, um aumento de aproximadamente 27% em comparação com o mesmo período em 2001. O departamento Americano de Estatísticas prevê uma subida nas vendas a retalho on line na segunda metade do ano, que poderá atingir os 24% em relação ao mesmo período no ano passado. As vendas on line nos Estados Unidos fixaram-se nos 10,2 mil milhões de euros – o segundo melhor trimestre desde que a estudo se iniciou em 1999. Peritos na Comscore adiantaram que o maior crescimento nas vendas on line resultou das promoções de embarque agressivas, lançadas pelos grandes jogadores deste sector como a Amazon.com ou o Buy.com. Surpreendentemente até o sector do vestuário teve um forte crescimento na internet, com as grandes empresas de venda por catálogo como a Land’s End, a L.L. Bean e a J. Crew a permanecerem no topo da lista. De referenciar que até a Gap consegui aumentar o seu volume de vendas on line, ao contrário do que tem vindo a acontecer nas suas lojas. Na totalidade, as vendas de vestuário e acessórios na Internet fixaram-se nos 3,12 mil milhões de euros nos Estados Unidos só nos primeiros sete meses de 2002. As vendas totais feitas on line atingiram os 44,25 mil milhões de euros em comparação com os 31, 55 mil milhões de euros atingidos no mesmo período do ano anterior.