Início Arquivo

Calvin Klein ataca mercado asiático

A Phillips Van Heusen, proprietária da conhecida marca Calvin Klein, assinou recentemente um contrato de licenciamento com a cK 21 Holding, tendo em vista a comercialização das suas diversas linhas em vários países da Ásia. Este acordo engloba uma grande variedade de artigos, que a cK 21 Holding passa a gerir até à Primavera de 2004, e que inclui linhas de vestuário para homem e mulher, sportswear, sapatos para homem e senhora, malas e acessórios femininos. Entre os países asiáticos incluídos no referido contrato contam-se a Tailândia, Singapura, Malásia, Hong Kong, China, Coreia, Taiwan e Filipinas, tendo o Japão sido excluído, por já existir um acordo de licenciamento para a venda de produtos da Calvin Klein, rubricado com a Obt Limited. De acordo com o presidente da Calvin Klein Inc, esta medida constitui “o primeiro passo no relançamento da marca”, estando presentemente em curso negociações tendo em vista mais acordos de licenciamento na Europa e Estados Unidos. Estas movimentações inserem-se na reestruturação encetada na Calvin Klein por Bruce Klatsky, director geral da Phillips Van Heusen, com o intuito de rentabilizar mais a prestigiada marca norte-americana, que em 2002 facturou 108 milhões de euros em royalties, graças a vendas no valor de 3 mil milhões de euros em todo o mundo.