Retalho

Início Notícias Retalho

Espanhóis coroam Zara

Procurando descobrir o peso da moda na economia espanhola, as consultoras WPP e Kantar Millward Brown juntaram-se para publicar o primeiro ranking BrandZ das marcas mais valiosas de Espanha – a Zara é a número um.

Moda de autor de portas abertas

O retalho físico, ao contrário daquilo que muitos analistas previram, não está morto, mas em mutação. Nomes como Luís Buchinho, Nuno Baltazar e Patrick de Pádua parecem estar de acordo com esta afirmação e preparam-se para inaugurar novas lojas no Porto e em Lisboa.

Morar no retalho

Moda Operandi, Sézane e Uterqüe são algumas das retalhistas que já abraçaram o novo conceito de loja que tem vindo a transformar os espaços de retalho em verdadeiras casas/apartamentos, decorados como se de um acolhedor lar se tratasse.

O calcanhar de Aquiles das marcas

A indústria da moda sempre acusou algum ceticismo e até lentidão a adotar novas tecnologias e, embora a maioria das marcas de moda tenha agora plataformas de comércio eletrónico, muitas delas ainda acreditam que isso basta para singrar na era de compras moderna.

O futuro do retalho é agora

Participantes de mais de 25 países responderam à convocatória da Shoptalk Europe, evento que reuniu recentemente startups, marcas e retalhistas em Copenhaga. Os principais objetivos foram aprender e partilhar experiências sobre como se adaptar aos comportamentos de consumo em constante evolução e à disrupção da indústria.

H&M sob fogo

A retalhista sueca está a ser acusada de queimar 12 toneladas de vestuário não vendido por ano. A investigação de um programa de televisão dinamarquês dá conta da destruição de peças novas, ainda com a etiqueta, sem qualquer motivo, embora a H&M tenha já refutado a acusação alegando a segurança dos consumidores.

Inditex capitaliza vendas online

O maior grupo de retalho de moda continua sem dar sinais de abrandamento e, além do aumento das vendas no geral, tem aproveitado o comércio eletrónico para crescer. Os números mais recentes dão conta de um incremento do negócio online da Inditex superior a 35% no último ano fiscal.

Lojas sem roupa?

Quando os clientes entrarem na loja Nordstrom Local, no estado norte-americano da Califórnia, vão encontrar alfaiates que customizam fatos e stylists que dão conselhos de estilo –, mas não vão encontrar roupas. A mais recente aposta dos grandes armazéns passa por espaços comerciais sem inventário.

Os altos e baixos da H&M

A H&M registou uma queda de 20% nos lucros no terceiro trimestre de 2017, apesar do crescimento nas vendas. A época de saldos de verão acabou por prejudicar as margens da segunda maior retalhista de vestuário. A investida indiana, no entanto, veio afastar a maré de azar.

Burberry à moda da tecnologia

Desde 2006, a britânica Burberry tem vindo a reposicionar-se como uma marca de moda digital – a estratégia passou por recorrer à análise de dados e à inteligência artificial e o resultado foi o crescimento das vendas e da satisfação do cliente.

Mais vistas