Retalho

Início Notícias Retalho

Trabalhadores do El Corte Inglés vão receber bónus

A retalhista espanhola vai abrir os cordões à bolsa e premiar os colaboradores que se mantiveram a trabalhar durante o período crítico da pandemia com um bónus até 300 euros.

Ano imprevisível para a Puma

A marca alemã de artigos desportivos viu as vendas e os lucros caírem no segundo trimestre do ano, fruto do confinamento provocado pela pandemia de Covid-19.

A próxima fronteira do luxo

Ainda que hoje já seja possível seguir o rasto das marcas online – a maioria tem morada no ciberespaço e muitas transformaram as redes sociais num ponto de encontro com as novas gerações de consumidores –, a pegada do luxo no comércio eletrónico continua a ser deixada por disruptivas como a Farfetch, Net-a-porter, Bonobos e Gucci.

A retoma da Rússia?

Nos últimos anos, a Rússia tem vindo a digladiar-se contra os preços do petróleo em baixa, acompanhados pela desvalorização do rublo e por sanções internacionais. Os rendimentos estão a diminuir desde 2014 e, de acordo com os analistas, a pobreza no país deverá regressar aos níveis de 2007 já este ano. Porém, os dados mais recentes sugerem que a situação económica geral ainda está longe de ser colorida, mas já não é tão sombria.

O apelo das vendas privadas

Outrora domínio apenas da alta-costura, a criação de relações pessoais com os melhores clientes está a chegar também às marcas de pronto-a-vestir, numa estratégia que inclui apresentações e que permite fidelizar e conseguir margens maiores.

Garantias de futuro

Organizações do comércio, instituições de educação e não-lucrativas, grupos de luxo e marcas estão a desenvolver um conjunto de ações que visam garantir o respeito da indústria pelo meio ambiente.

Amazon assombra grandes armazéns

A gigante americana já é a maior retalhista de vestuário do ciberespaço. A par do pódio digital, a Amazon pode, inclusivamente, vir a ultrapassar a maioria das suas rivais físicas em vendas de moda, considerando os dados recentes.

Viagem para as compras

Os aeroportos europeus estão a redesenhar os terminais e a oferecer novos serviços para atrair mais passageiros às lojas, numa altura em que a concorrência online e os ataques terroristas estão a afastar os seus principais consumidores: os viajantes asiáticos.

A rota do luxo digital

Paralelamente à aquisição de gostos cada vez mais globalizados, motivados pela acessibilidade das viagens para o exterior, pela influência hollywoodesca e da diáspora, os indianos têm vindo a procurar o luxo – internacional e doméstico – entre cliques.

O Sr. Zara arrecada mil milhões

Graças ao crescimento de 10% face a 2015 nos lucros da Inditex, Amancio Ortega, o homem mais rico da Europa, vai adicionar à sua conta bancária cerca de 1,26 mil milhões de euros em dividendos, distribuídos por cada ação da empresa.