Têxtil-Lar

Início Notícias Têxtil-Lar

Japão rendido aos têxteis-lar lusos

As empresas portuguesas de roupa de cama, mesa e banho têm direcionado esforços para a conquista do País do Sol Nascente e os clientes nipónicos têm capitulado à qualidade dos têxteis-lar nacionais no mercado local, como confessaram na mais recente edição da Guimarães Home Fashion Week, um evento sob a chancela da Home From Portugal.

Vianatece aposta na hospitalidade

A produtora de têxteis-lar usou os pisos acima da sua loja no Porto para criar um aparthotel onde os seus produtos são reis e senhores. Um negócio que tem impulsionado também as vendas da Vianatece, já que os hóspedes acabam por não resistir a levar para casa os artigos.

Sorema em expansão

A empresa especialista em tapetes de banho deverá expandir a sua capacidade industrial, num projeto de crescimento global onde constam igualmente as vendas online.

Piubele cresce com a produção

O investimento em tecnologia permitiu um aumento da produção na Piubele e contribuiu para o crescimento de 25% do volume de negócios da produtora de têxteis-lar no ano passado, que ultrapassou os 20 milhões de euros.

Katty Xiomara em bons lençóis

A designer aceitou o desafio da marca Cuddle Home e entrou no universo dos têxteis-lar. Da passerelle para a casa, Katty Xiomara saiu da sua zona de conforto para aconchegar portugueses e estrangeiros.

Lameirinho celebra 70 anos

O mês oficial de aniversário é somente maio, mas a produtora de roupa de cama já começou a festejar as suas sete décadas de atividade em janeiro, na primeira feira do ano para o sector dos têxteis-lar, a Heimtextil em Frankfurt.

Têxteis Penedo espera milhão das cortinas com Led

O projeto LEDinTEX, liderado pela Têxteis Penedo, em parceria com o Citeve e o CeNTI, deverá gerar mais de um milhão de euros de faturação anual a curto prazo, depois de um investimento, com o apoio da Agência Nacional de Inovação, de 500 mil euros.

Heimtextil: o barómetro do têxtil-lar

Bom prenúncio para 2018 – os números da recente edição da Heimtextil, que fechou hoje portas, deixam uma nota de otimismo para os próximos 12 meses do sector dos têxteis-lar. Aproximadamente 70 mil visitantes de 135 países afluíram aos stands de 2.975 expositores internacionais, 83 dos quais com o melhor do “made in Portugal”.

Heimtextil 2018 já bate recordes

Tendo como destino a Heimtextil, a partir de amanhã, 9 de janeiro, aterram em Frankfurt aproximadamente 3.000 empresas – 83 voam de Portugal. Oriundos de mais de 140 países, fazem o check-in aproximadamente 69.000 visitantes, com a presença do Ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, já confirmada.

Blank Home invade a Ásia

Depois de ter conquistado os lares dos alemães, mercados tão distintos e distantes como Itália, Dinamarca, Israel, Gana, Japão e China já abriram as portas à marca própria da maior produtora europeia de felpos, a portuguesa Mundotêxtil. Agora, a Blank Home quer aconchegar os sul-coreanos.

Mais vistas