Têxtil-Lar

Início Notícias Têxtil-Lar

Sourcing em risco

O estudo “Is Your Luck Running Out? Managing Suplly Risk in Uncertain Times” da A.T. Kearney e da Rapid Ratings Internacional, conclui que os...

B. Sousa Dias sorri ao futuro

Após dois anos relativamente estáveis, a produtora de têxteis-lar está pronta para crescer em 2020. O investimento em maquinaria e na automatização do processo produtivo, bem como a reforma de quadros a nível interno poderão estar na base de uma nova vaga de crescimento, que antecipa atingir os 15%.

Villafelpos continua imparável

A produtora de felpos cresceu 20% no ano passado, superando os 13 milhões de euros de volume de negócios. Para 2017, as expectativas da Villafelpos são de consolidação, mas a meta é atingir 20 milhões de euros dentro de quatro anos.

Homens atraem investimentos

O segmento masculino está, finalmente, a ser alvo de interesse por parte dos investidores. Marcas de venda direta ao consumidor e insígnias que apostam na personalização despertam mais atenções.

Algodão uzbeque sob escrutínio

O governo do Uzbequistão continua a recorrer ao trabalho forçado de adultos e crianças no cultivo e colheita de algodão, segundo sugere um novo relatório, que indica que mais de um milhão de cidadãos são obrigados, através de diferentes meios, a trabalhar nos campos uzbeques.

Têxteis-lar aquecidos da JFA chegam ao mercado

Robes, chinelos, tapetes, toalhas de banho e de mesa são os produtos equipados com a tecnologia de aquecimento inteligente desenvolvida pela JF Almeida, o CeNTI e o CITEVE que deverão chegar ao mercado ainda este ano. A Europa e a América do Norte são os focos para a comercialização.

A familiaridade da Nicorio

Nascida em 2015, a Nicorio é uma marca 100% made in Portugal dedicada aos ambientes dos mais pequenos e à decoração, que vai sendo embalada nos braços dos quatro irmãos fundadores – João, Francisco, Inês e Rita –, sempre sob o olhar atento de Amândio Martinho, o patriarca.

Lameirinho celebra 70 anos

O mês oficial de aniversário é somente maio, mas a produtora de roupa de cama já começou a festejar as suas sete décadas de atividade em janeiro, na primeira feira do ano para o sector dos têxteis-lar, a Heimtextil em Frankfurt.

Fileira casa troca feiras por plataformas digitais

A verba de dois milhões de euros inicialmente destinada à participação em certames profissionais foi realocada para a promoção digital. As empresas da fileira casa, que inclui, entre outras, os têxteis-lar, colchoaria e tapeçaria, podem agora integrar plataformas como a da Maison & Objet ou uma exposição virtual na app Furniture PT.

ITV na via verde

A indústria têxtil e vestuário está cada vez mais “amiga do ambiente”, com investimentos em tecnologias mais eficientes, métodos de produção mais ecológicos, redução de desperdícios, reciclagem e fontes de energia não poluentes a tornarem o sector mais sustentável.