Têxtil

Início Notícias Têxtil

Moda segura

Com a Indústria 4.0 cada vez mais implementada nas empresas da ITV, a comunicação entre as diferentes áreas e o conhecimento em tempo real de stocks e necessidades tornou-se fundamental. Participe e divulgue as suas soluções no suplemento “Moda Segura”, dedicado às novas tecnologias e inovações aplicadas à moda.

Aquecimento global afeta trabalhadores da ITV

Um estudo da Organização Internacional do Trabalho mostra que o aumento das temperaturas e a intensificação dos níveis de stress térmico podem afetar a produtividade dos trabalhadores, incluindo a mão de obra da indústria têxtil e vestuário mundial.

Acabar em grande

Na fase final do processo têxtil, os revestimentos e acabamentos têm sofrido grandes evoluções, com desenvolvimentos focados na sustentabilidade e economia circular. ERT, Coltec, Endutex e Smart Inovation mostraram na mais recente edição da Techtextil algumas das novas soluções.

ITV norte-americana pessimista

De acordo com um estudo da United States Fashion Industry Association, com o aumento das taxas alfandegárias e o incremento dos custos do sourcing na China e em destinos alternativos, os empresários da indústria têxtil e vestuário nos EUA estão a ficar mais pessimistas.

O segredo para tingir verde

Uma equipa de investigadores da Universidade de Georgia, nos EUA, está a desenvolver um novo método, mais ecológico, de tingimento. Através da inovação é possível não só reduzir drasticamente a quantidade de água usada, mas também diminuir as descargas de químicos tóxicos.

Certificar para ganhar

Para melhor esclarecer as empresas que compõem a indústria têxtil e vestuário, o Jornal Têxtil vai publicar, em setembro, o suplemento “Certificar para Ganhar”. Se tem um negócio especializado em certificação, aproveite a oportunidade para mostrar as suas soluções neste suplemento.

ITV chinesa compra mais maquinaria

Apesar das notícias que dão conta de uma menor relevância da China como fornecedora de têxteis e vestuário, o país continua a dominar a indústria mundial, com novos dados a mostrarem que o Império do Meio foi, em 2018, o maior investidor em tecnologia para fiação, texturização, tecelagem e tricotagem.

Competitividade é prioridade do novo presidente da ATP

A competitividade das empresas, a visibilidade da indústria têxtil e vestuário na sociedade e a transição para a economia circular são as prioridades para o mandato de Mário Jorge Machado, o recém-eleito presidente da ATP - Associação Têxtil e Vestuário de Portugal.

Malhas e tecidos para todos

Seja em malhas ou em tecidos, empresas como a Penteadora, Carlom, LMA, TrimNW e Mehler estão a fazer avançar a inovação “made in Portugal”, desde estruturas tridimensionais às propostas ignífugas, passando pelas aplicações industriais ou para a área da saúde.

A evolução do vestuário à prova de fogo

O mais recente estudo da Textiles Intelligence conclui que o segmento deverá crescer 6,5% ao ano até 2027. A crescente procura por este tipo de vestuário está a resultar numa maior aposta, por parte dos produtores, em peças de alta qualidade, mas que sejam igualmente elegantes, confortáveis e ecológicas.

Mais vistas