Têxtil

Início Notícias Têxtil

“Made in Portugal” deslumbra designers

Do trabalho manual da Atelier des Créateurs à dimensão da Crialme, passando pela tecidoteca da Calvelex, a produção vertical da Riopele e o universo do calçado da Eureka, os jovens designers europeus que por estes dias estão em Portugal para participar no concurso do CENIT mostraram-se fascinados com a indústria de moda portuguesa.

As inovações de 2021

Na Idade dos Sistemas, responder a desafios como a sustentabilidade e desigualdade irá exigir a combinação bem articulada entre criatividade e design para criar soluções a longo prazo. O WGSN identificou diferentes áreas de inovação que vão transformar a sociedade, a tecnologia, o ambiente e a indústria em 2021.

Tearfil combate poluição

Em resposta a um desafio da Triwool, a Tearfil desenvolveu um fio 100% biodegradável, obtido a partir do caule de milho, para combater a contaminação por plástico nos oceanos. O Infini é apenas um dos vários projetos na área da sustentabilidade da fiação, onde se incluem também o MoreColorGreen, o Eco Heather e o Rainbow.

Empresas saudáveis

A saúde ocupacional é um conceito atual, prioritário e transversal, que tem por finalidade promover e proteger a saúde dos profissionais nos locais de trabalho, contribuindo para a qualidade de vida e bem-estar físico, mental e social dos mesmos, o que favorece a produtividade e o desenvolvimento económico sustentado.

Regionalização chega ao comércio internacional

Embora a indústria da moda seja global, o comércio mundial de têxteis e vestuário está a tornar-se mais regional. A Ásia, a União Europeia e o Hemisfério Ocidental dominam, cada vez mais, as exportações internacionais, tendo representado quase 85% dos envios em 2017.

Grafeno cria têxteis mais inteligentes

Ao longo dos últimos anos, encontrar a plataforma e os materiais ideais para criar têxteis inteligentes é um assunto que suscita grande interesse. Recentemente, um grupo de investigadores do Reino Unido descobriu uma técnica inovadora que incorpora o grafeno nos tecidos.

Exportações da ITV aceleram em outubro

Os números do INE dão conta de uma aceleração nas exportações entre janeiro e outubro, transversal a todos os sectores. Os envios de vestuário cresceram 1,6%, os de têxteis aumentaram 3,1% e outros artigos confecionados, onde se integram os têxteis-lar, somaram mais 4,9%.

Austrália e activewear disparam preço da lã

A maior exportadora mundial de lã de alta qualidade, a Austrália, foi atingida por uma seca severa que está a afetar o preço da matéria-prima, ao mesmo tempo que aumenta a procura por lã junto dos especialistas em activewear à escala global.

Renaitex em crescimento

A empresa especialista em têxteis-lar cresceu 12% em 2017 e prepara-se para manter a rota ascendente no corrente ano. A recuperação do mercado espanhol e o reforço da presença em feiras internacionais estão a permitir à Renaitex consolidar o negócio criado há 28 anos.

Confeção lusa foi protagonista na Première Vision

Portugal foi o Focus Country na Première Vision Manufacturing e atraiu as atenções dos milhares de visitantes que se deslocaram a Paris. Fios, acessórios, tecidos e malhas nacionais também colheram frutos da exposição nacional no certame.

Mais vistas