Vestuário

Início Notícias Vestuário

O novo normal

A presença dos wearables na vida da maioria dos consumidores circunscreve-se ao pulso, num relógio inteligente ou numa pulseira fitness. Este cenário tem motivado as marcas a explorarem alternativas criativas para o preenchimento da principal lacuna do segmento: a falta de produtos verdadeiramente “usáveis”, isto é, práticos e com estilo.

Bons ventos na The North Face

Quando, em 2000, a VF Corporation comprou a The North Face, esta valia 200 milhões de dólares e perdia cerca de 1 milhão a cada ano. Em 2015, os números situam-se nos 2 mil milhões e a marca domina o mercado do outdoor, desfrutando de equivalente popularidade entre montanhistas e pessoas que nunca respiraram o ar da montanha.

Etiópia aposta na indústria

Na tentativa de desenvolver o país e afastar-se das atividades do sector primário da economia, o governo da Etiópia está a investir fortemente na criação de polos industriais, pensados para atrair a indústria leve, apresentando como ativos a abundância de mão de obra barata e incentivos fiscais.

O plágio da Chanel

Na semana passada, e depois da onda de reprovação que havia inundado as redes sociais, a Chanel admitiu que algumas das camisolas desfiladas no seu último Métiers d’Art, em Roma, foram uma tradução demasiado literal de peças que alguns membros da equipa da casa francesa haviam comprado a Mati Ventrillon, designer das ilhas Shetland, na Escócia.

Exportações aceleram em outubro

A indústria têxtil e vestuário portuguesa aumentou em 9% as suas transações com o estrangeiro em outubro, num resultado que contribuiu para um crescimento superior a 4,1% no volume de exportações nos primeiros 10 meses do ano, que ficou próximo dos 4,1 mil milhões de euros.

Lacoste à distância de um clique

A marca francesa que tem o leme artístico nas mãos do designer português Felipe Oliveira Baptista inaugurou a sua morada online em Portugal. Fruto de uma estratégia global de implementação da estrutura de comércio eletrónico, a Lacoste anunciou há dias a abertura da flagship digital lacoste.com/pt. A coleção outono-inverno que celebra o fundador da insígnia já pode ser adquirida através de cliques.

A moda do futuro

Das solas de calçado desportivo desenvolvidas com recurso à impressão 3D a fios obtidos a partir de uma combinação que inclui plástico reciclado retirado do fundo do oceano, o futuro da moda desenha-se também pela intervenção da tecnologia, estimulada pela criatividade.

Vestuário soma mais 2,6%

Nos primeiros 10 meses do ano, as exportações portuguesas de vestuário atingiram 2,41 mil milhões de euros, registando um aumento de 2,6% em comparação com o período homólogo de 2014. EUA e Espanha foram os mercados com melhor performance entre janeiro e outubro.

A distinção da Topshop

A cadeia britânica tem alargado o raio de atuação desde 1964, ano que marcou a sua estreia. Começou pelo vestuário feminino, apostou no masculino, investiu nos acessórios e, em 2010, aventurou-se no ramo da beleza. Com lojas físicas em 42 países e cerca de 100 códigos-postais no online, a Topshop é reputada pelas colaborações de peso – a mais recente é com a cantora Beyoncé – e pela experiência em loja. Agora, regressa a Portugal.

Continente digital

O Velho Continente tem sabido acompanhar a imersão dos consumidores de moda no universo online e vê-se rejuvenescido a cada nascimento de startups. A Europa ocupa a primeira fila da inovação tecnológica desta indústria e o contributo português – via Farfetch e, recentemente, Chic by Choice – é um dos mais relevantes.

Mais vistas