Início Jornal Têxtil

Certificar para ganhar

A evolução do negócio trouxe novas exigências aos produtores de têxteis e vestuário e, por consequência, a certificação de produtos e processos tornou-se uma mais-valia para quem pretende ser competitivo e conquistar os mercados externos. A Qtec, a Tratave e a SGS apresentam várias soluções para garantir o imprescindível selo de qualidade.

As certificações tornaram-se numa ferramenta imprescindível para as empresas da indústria têxtil e vestuário. «Somos sempre valor acrescentado para os nossos clientes», garante a Qtec – Qualynspect no suplemento “Certificar para ganhar” publicado na edição de setembro do Jornal Têxtil. A empresa, parte do grupo TÜV Austria, tem a ISO/IEC 17020 e, como tal, está acreditada para realizar inspeções a equipamentos sob pressão, a válvulas de segurança e avaliação de conformidade de equipamentos de trabalho, mas também fornece serviços na área da implementação de sistemas de gestão, incluindo a implementação de ferramentas de lean manufacturing.

Já a Tratave tem mantido uma relação próxima com a indústria têxtil do Vale do Ave. A empresa, que em 2013 recebeu o prémio Qualidade de Serviço em Águas e Resíduos, tem contribuído para a melhoria ambiental da bacia hidrográfica do Rio Ave e para a implementação de melhores práticas nas empresas. «A Tratave resolveu um problema ambiental na região, ao mesmo tempo que permitiu que as empresas locais possam dedicar-se àquilo que é o seu core business, concentrando energias no seu produto final, certas de que cumprem as regras ambientais», explica.

A SGS, por seu lado, «contribui com soluções para auxiliar o empresário têxtil a comprar, produzir e vender melhor», afirma. «Só quem conhece o universo dos têxteis e vestuário é que tem noção da complexidade deste sector e da necessidade de processos rigorosos para mitigar os custos da não qualidade e, por vezes, da perda total de uma fabricação», indica. A empresa quer, por isso, contribuir «para soluções mais tranquilas», oferecendo um leque alargado de serviços, incluindo ensaios laboratoriais, inspeção na produção, auditorias sociais, certificação de produtos e certificação de sistemas de gestão.

Três empresas com soluções várias e variadas que pode conhecer com mais pormenor no suplemento “Certificar para ganhar” publicado na edição de setembro do Jornal Têxtil (ver O império dos tecidos).