Início Destaques

Certificar para ganhar

As certificações são hoje essenciais à competitividade das empresas, especialmente no que diz respeito à sustentabilidade. Uma área bem conhecida da Acatel, da Tratave e da Apcer, que têm desenvolvido a sua atividade neste âmbito, com foco, nomeadamente, na indústria têxtil e vestuário.

A Acatel presta serviços de tinturaria, tinturaria à peça, estamparia, digital e tradicional, e acabamento de malhas e tecidos. «A preocupação com a qualidade, a organização, o ambiente, a higiene e segurança dos trabalhadores e a responsabilidade social conduziu a várias certificações», destaca a empresa no suplemento Certificar para Ganhar, publicado na edição de setembro do Jornal Têxtil. Das diversas normas ISO ao GOTS e Bluesign, a Acatel tem já um conjunto de certificações que lhe permitem, alega, estar «na vanguarda da preocupação com o meio ambiente ao longo dos anos».

Já a Tratave – Tratamento de Águas Residuais do Ave sublinha neste suplemento os mais de 20 anos «a cuidar o futuro», salientando que o trabalho da empresa «contribui para a sustentabilidade e afirmação da região do Ave num exercício de parceria produtiva com as suas indústrias, principalmente a indústria têxtil».

A Apcer, por seu lado, aponta que «as alterações climáticas e a preocupação com a sustentabilidade vieram pressionar a indústria têxtil, uma das mais poluentes, a tornar-se mais sustentável». Para ajudar as empresas nesta missão, a Apcer refere que «são várias as soluções disponíveis no mercado, produtivas e tecnológicas, que permitem mitigar o impacto das atividades organizacionais e sensibilizar a sociedade para esta realidade. Para além destas, existem ainda ferramentas de apoio à gestão que ajudem as empresas a enfrentar este desafio», como é o caso das normas ISO.

Soluções para as empresas da indústria têxtil e vestuário que pode ficar a conhecer em mais detalhe no suplemento Certificar para Ganhar, publicado na edição de setembro do Jornal Têxtil.