Início Notícias Vestuário

Chic recupera níveis de 2019

De 17 a 19 de março de 2021, a Chic Shanghai abriu portas a mais de 88 mil visitantes, um número comparável ao nível pré-pandémico de março de 2019. Segundo a organização, a edição física foi bem-sucedida e permitiu ao sector catalisar tendências presencialmente com «muita satisfação».

[©Chic Shanghai]

O salão de moda, que decorreu a par da Yarn Expo, da Intertextile e da PH Value no Centro Nacional de Exposições e Convenções de Xangai, recebeu um total de 88.103 visitantes. A edição, comparável ao nível pré-pandémico de março de 2019, gerou satisfação entre os visitantes da feira e as trocas de sinergias presencias facilitaram as atividades empresarias, revela a organização da Chic, salientando ainda que os padrões de higiene, perante a situação atual, foram estritamente respeitados.

Durante os três dias, os expositores registaram uma atividade intensa de pedido na feira, com visitantes de todos os canais de comércio, proveniente de todas as regiões da China.

O evento contou com 905 expositores e 932 marcas distribuídas por 10 áreas, nomeadamente a Chic Men´s, Chic  Women´s, Chic Impulses (designer), Chic Young Blood (streetwear), Chic Kidz (kidswear), Chic Accessories, Shoes and Bags, Chic Tailoring, Chic Winter´s (artigos de couro e peles), Chic Sourcing – Superior Factory / Denim, Chic Sourcing – Future Link (inovações para moda e para o retalho).

«A Chic, mais uma vez, provou ser a plataforma de negócios mais importante e criadora de tendências do sector. A feira oferece uma visão geral condensada dos desenvolvimentos atuais do mercado, agrupa todos os recursos e proporciona aos participantes a rede necessária. A Chic é a feira líder de comércio e indústria», afirma Chen Dapeng, presidente da Chic e da Associação Nacional de Vestuário da China.

Sonho sustentável e inovação

O certame de moda atuou novamente como um catalisador de tendências para o mercado chinês, cujo principal foco se centrou na temática Chic Garden, alusiva à sustentabilidade. Com este tema, os artistas Ma Defan e Li Haitao conceberam o conceito criativo do fórum situado no centro da feira, no hall de entrada norte. Para a iniciativa, Ma Defan, que está comprometida com o desenvolvimento sustentável na China e envolvida em projetos como o Green Next, uma plataforma chinesa online e offline para a criação de soluções sustentáveis para a moda e lifestyle, apostou na utilização de fibras e roupas velhas. Por sua vez e inspirado na água corrente, Li Haitao escolheu o bambu selvagem de Anji como material para a instalação e transformou a superfície numa obra de arte que sugere a simbiose entre a natureza e o homem. Em conjunto, os artistas criaram um «jardim de sonho» na Chic, ondes as empresas exibiram as suas coleções e produtos ecológicos.

[©Chic Shanghai]
As apresentações das tendências amigas do ambiente foram acompanhadas pela reunião matchmaking de produtos de fibra de cânhamo sustentável da Kingdom Holdings e do Sustainable Fashion Forum acerca do futuro sustentável no universo da moda.

Além dos desfiles da Chic que, de acordo com a organização, «impressionaram» com mostras de designers inspiradoras, também foram conhecidos os nomeados do FN China Achievement Footwear Award, onde constaram marcas como a Li-ning, Nike, Fila, Xtep, Geox e muitas outras. A Chic Wonderland foi sinónimo de inovação no que diz respeito às propostas de ténis, como retrata a apresentação das sapatilhas Nike King Bear Max, um modelo da Nike e da King Saladeen que chegou ao marcado em edição limitada.

Contactos com eficiência

Expositores e visitantes aderiram à oportunidade de se reunir no local, visto que as atividades de matchmaking foram triplicadas, aumentando de 20 na edição anterior para 54 reuniões.

[©Chic Shanghai]
«A eficiência dessas reuniões foi elogiada por expositores e visitantes. Little Red Book, que desta vez participou no matchmaking, foi de particular interesse. Participantes internacionais como a marca francesa Capsule by Juliette e M.G.F. Import & Export SRL de Itália também participaram», indica a organização em comunicado, acrescentando que a aplicação da Chic possibilitou inúmeros contactos com antecedência para várias empresas.

A próxima edição da Chic Shanghai está já agendada para 25 a 27 de agosto e a Chic Shenzhen terá lugar entre 3 e 5 de novembro.