Início Arquivo

Cortefiel aumenta lucros em 40%

O Grupo Cortefiel apresentou no passado mês de Maio os seus resultados correspondentes ao ano de 1999. Os lucros foram de 10 milhões de contos, que representa um aumento, em relação ao ano anterior, de cerca de 40%.

As vendas ascenderam 119 milhões de contos (mais 17%). Estes valores correspondem a 110 milhões de contos de vendas das lojas e de 8 milhões de contos de vendas a terceiros. Na cadeia do grupo, a Cortefiel representa 54% do negócio. Por áreas de negócio a expansão de cada uma das marcas pertencentes as grupo foram de 4,9% no Cortefiel, 10,3% na Springfield, 2,7% com a Milano, 23,9% com a Women’s Secret e 27.4% com a Douglas.

Esta melhoria deve-se ao excelente volume de vendas que o Grupo tem vindo a ter nos últimos tempos, bem como a um aumento do número de clientes baseada na confiança nos produtos e a atractiva relação qualidade/preço, à inovação dos produtos e uma melhoria no atendimento a clientes. Segundo o Grupo Cortefiel as principais razões que tem vindo a proporcionar os excelentes resultados são as colecções de Pedro del Hierro, a consolidação da marca Women’s Secret e a linha Urban Confort. Em 1999 foram abertas 54 novas lojas, elevando a número total para 474, com investimentos na ordem de 11 milhões de contos. Em relação ao ano 2000/2001 o Grupo pretende abrir mais 101 lojas, investindo cerca de 12 milhões de contos, 30% das quais fora de Espanha.

O crescimento do grupo nos próximos anos deve ficar pelos 15 a 20%. As vendas internacionais em 1999 representaram 19% das vendas totais e espera-se que até 2006 esta percentagem aumente para 50%.