Início Arquivo

CPM em crescimento

De 3 a 6 de setembro, as temperaturas vão subir em Moscovo, com a CPM – Collection Première Moscow a reunir mais de 1.800 coleções de expositores de 33 países para a primavera-verão 2015. «Estamos a ter um nível de registos que nunca foi tão elevado e rápido como para a próxima edição e isso apesar da má performance do rublo e da crise na Crimeia. Os expositores confiam em nós e estamos a aproveitar a CPM mais do que nunca como uma plataforma de comunicação», considera Christian Kasch, diretor de projeto da CPM. A feira tem vindo a expandir-se, com esta edição a contemplar um espaço de área superior a 60.800 m2, e a dar mais protagonismo a algumas áreas, como a dedicada à moda infantil – a CPM Kids. Também a área CPM Styles contará, pela primeira vez, com uma apresentação diária. Sob o mote “Datscha Times”, os modelos vão apresentar lingerie e swimwear dos expositores do segmento CPM Body & Beach num cenário retirado de uma casa de fim de semana russa. A CPM Body & Beach está, de resto, no centro das atenções, depois de ter sido anunciada uma parceria com a feira Mode City Paris, organizada pela Eurovet, para a promoção e comercialização de espaços nesta área. «Estamos orgulhosos desta coligação com um parceiro internacionalmente conhecido como a Eurovet para acelerar o desenvolvimento do segmento Body & Beach», afirma Philipp Kronen, diretor-geral da Igedo Company. Já Christian Kasch revela que «vamos usar a cooperação com a Eurovet para nos tornarmos na plataforma e centro de competências que queremos que o segmento Body & Beach seja». Para além da apresentação das novas coleções, a agenda desta edição da CPM contempla ainda um programa paralelo, onde consta as celebrações do 10.º aniversário da revista Russia Lingerie, o BloggerTalk, um extenso programa de seminários e mais de 45 desfiles de moda. «A cada estação queremos que a CPM e o seu programa paralelo sejam o mais entusiasmantes possível. Desta vez, com o novo layout, estamos a pôr um foco especial nos nossos visitantes. Tornar mais fácil para eles encontrar o que querem significa que a frequência de visitantes vai aumentar ainda mais e que os compradores terão uma visão ainda melhor da oferta», resume Christian Kasch.