Início Arquivo

Da China para o Mundo

A mostra confirmou o sucesso de que a Intertextile Shangha Apparel Fabrics goza hÁ 14 anos. Não obstante as preocupações económicas globais, os compradores internacionais voltaram a esta feira – uma das maiores do mundo na Área dos tecidos – para procurar tecidos e acessórios e descobrir as próximas tendências do design. Estamos muito satisfeitos com os resultados», revelou Wendy Wen, directora de feiras da Messe Frankfurt Hong-Kong. Mais de 2.500 expositores ocuparam os 115.000 metros quadrados de Área de exposição, incluindo um pavilhão inteiro para acessórios e dois pavilhões e meio para fornecedores internacionais. Um dos destaques desta edição da ISAF foi a organização dos pavilhões chineses por produto de utilização final, em categorias como tecidos para camisas e fatos, tecidos para vestuÁrio feminino e denim. Muitos expositores internacionais foram agrupados em pavilhões, incluindo a Alemanha, Japão, Coreia, ItÁlia, Paquistão, Taiwan, Tailândia Turquia e… Portugal, um repetente nestas andanças pelo Império do Meio, sob a égide da Associação Selectiva Moda. Outro destaque foi os pavilhões especiais de produtores de fibras como a Invista, Lenzing, Dow e Hyosung, onde os respectivos clientes mostravam produtos obtidos a partir das fibras mais inovadoras. A mostra tem muitas categorias de tecidos e os expositores estão agrupados não só por produto mas também por país. Isto torna mais fÁcil a procura de produtos e poupa imenso tempo», afirmou Connie Ho, directora de tecidos da Designer Holdings Overseas de Hong Kong, empresa subsidiÁria da Wamaco. Constitui também uma boa oportunidade para obter informações de mercados e de tendências. Na economia actual, as feiras comerciais são mais importantes do que nunca porque são a melhor forma de adquirir directamente os produtos» No pavilhão italiano, que apresentava o seu próprio fórum de tendências, os visitantes localizavam facilmente a oferta do “made in Italy”. Os nossos produtos são caros e de muito alta qualidade. Os compradores estão dispostos a comprar estes produtos, mesmo na economia actual, por causa da nossa qualidade», sustentou Daniela Ronchetti, da Ratti, ItÁlia. Esta feira é uma fonte importante de bons clientes e um canal crucial para entrar no mercado chinês. Fizemos muitos bons contactos» Vindo do Brasil, o produtor de tecidos Vicunha trouxe uma colecção de estilos actuais, ideias para quem na China se preocupa com a moda. A procura estÁ a crescer e o consumidor chinês quer bons produtos», referiu Wendy Lin, directora-executiva da Vicunha Ásia. Os compradores que encontramos na feira estavam a comprar para o mercado interno. As marcas chinesas estão a crescer e a melhorar, pelo que privilegiam actualmente a qualidade». Outros expositores justificaram a sua presença pela crescente internacionalização da ISAF. Participamos hÁ jÁ muitas edições desta feira porque os compradores são maioritariamente internacionais. Este ano encontrÁmos compradores de topo da Europa, EUA e AustrÁlia», revelou Yuna Lee, directora da divisão de vendas da coreana Jktex Co. Muitos visitantes vêm à ISAF em busca de inspiração para o design e informação de tendências recolhidas no fórum de Interstoff Asia Directions. Quatro reconhecidas agências especialistas em novas tendências e um grupo de designers têxteis apresentaram estilos modernos e design original. A feira é espantosa, o fórum de tendências é sempre a minha primeira paragem. Representa realmente a última tendência em tecidos e ajuda-nos imenso a encontrar os tecidos certos», afirmou Cynthia Yu, Eastmyth Textile Co., China. Uma nova característica desta edição da ISAF foi a Área dedicada aos tecidos para lingerie e fatos-de-banho, criada para reflectir a crescente procura destes produtos na China. Agrada-me a ideia de um espaço separado para os fatos-de-banho e lingerie, pois hÁ muitos compradores que vêm especificamente por esses produtos», explicou Giulio Sonnino, da Carina Tessuto, que expôs na nova Área. EncontrÁmos muitos compradores chineses que podem exportar os nossos produtos para os mercados da Europa e dos EUA. E, é claro, o mercado interno chinês estÁ cheio de oportunidades. Regressaremos, sem dúvida, a esta feira todos os anos». A Intertextile Shanghai Apparel Fabrics é organizada pela Messe Frankfurt (HK) Lda. e pelo The Sub-Council of Textile Industry, CCPIT-Tex e China Information Textile Centre. A próxima edição terÁ lugar de 20 a 23 de Outubro de 2009, no Novo Centro Expo Internacional de Xangai. Para conhecer os detalhes da participação das empresas portuguesas TMG, Gierlings Velpor, Paulo Oliveira, Tessimax e Penteadora não perca a reportagem do Jornal Têxtil (edição 124 – Dezembro 2008), que esteve in loco a convite da Associação Selectiva Moda.