Início Arquivo

Défice comercial da EU face à China é preocupante

O comissário europeu para as relações exteriores, Chris Patten, lançou ontem em Pequim, uma advertência para a “explosão” do défice comercial da União Europeia (UE) face à China. Segundo uma notícia avançada pelo jornal Público, para evitar esta situação deficitária, Patten pediu ao Governo chinês que pusesse termo às barreiras colocadas à entrada das importações europeias. De acordo com os cálculos de Patten, o défice europeu alcançou, no ano passado, aproximadamente 9 mil milhões de contos. Para argumentar em favor do seu pedido, o comissário lembrou ao governo chinês que a China é o quarto parceiro comercial da UE, depois dos Estados Unidos, Japão e Suíça. Patten recordou ainda que a adesão da China à Organização Mundial do Comércio se encontra no topo das prioridades estabelecidas pela UE.