Início Arquivo

ETAR acusada de poluir o Cávado

As águas do Cávado estão a ser alvo de «graves danos no equilíbrio ecológico», acusa a CDU de Barcelos apontando o dedo à ETAR da mesma localidade, à qual estão ligadas três tinturarias, das 20 existentes em todo o concelho. Os comunistas exigem uma imediata fiscalização a esta estação, que está a efectuar «descargas de águas carregadas de cor e espumas densas». José Evangelista, líder da CDU, interroga-se sobre o futuro da ETAR, caso as restantes tinturarias façam a sua ligação, «se com apenas três indústrias ligadas já existem estes problemas, quando estiverem todas, qual vai ser a situação?». A câmara de Barcelos e a Ecobarcelos (empresa que gere a estação) garantem que tudo funciona «bem» e que «a coloração num efluente não é só aceitável como está quantificada legalmente», recordando ainda que a última fiscalização feita à ETAR no passado mês de Maio, comprova o «cumprimento estipulado na lei».