Início Notícias Têxtil

Fabric Days alimenta otimismo

Numa versão mais reduzida da Munich Fabric Start, a Fabric Days marcou o regresso das feiras profissionais de tecidos a Munique e superou as expectativas, com boas impressões por parte dos expositores.

[©Fabric Days]

O entusiasmo marcou os três dias da feira de tecidos, que teve lugar de 1 a 3 de setembro de 2020. Sob o lema Hopetimism, a Fabric Days trouxe mesmo um misto de esperança e otimismo aos cerca de 300 produtores de tecidos presentes, que tiveram a oportunidade de mostrar as suas novas coleções para o outono-inverno 2021/2022, assim como aos próprios organizadores.

«Com a organização da primeira feira de tecidos para a indústria têxtil, assumimos uma grande responsabilidade. Depois do cancelamento de numerosos certames profissionais, estamos particularmente orgulhosos por termos sido capazes de concretizar a Fabric Days. A resposta positiva e gratidão é avassaladora. Estamos muito satisfeitos com a coesão e também com a disciplina com que toda a gente no local trabalhou em conjunto e estamos felizes por encerrar a feira como uma importante fonte de inspiração com este resultado», afirmou Sebastian Klinder, diretor-geral da Munich Fabric Start.

No total, marcaram presença aproximadamente 3.600 visitantes de 30 países, que representaram cerca de 1.300 empresas, incluindo nomes como a Adidas, Gerry Weber, Hugo Boss, Puma, Vetements e Wolford.

Riopele [©Fabric Days]
«Devido à pandemia, ninguém poderia adivinhar como seria a frequência de visitantes na feira. Por isso, estamos ainda mais contentes que um inesperado grande número de designers, gestores de produto e compradores tenha viajado até Munique para explorar as mais de 700 coleções de 300 fornecedores. Muitos visitantes e expositores agradeceram-nos por tornar um evento físico possível depois de tudo. Os nossos convidados sentiram-se seguros em todos os momentos e ficaram satisfeitos com as trocas pessoais e os novos inputs», revelou Frank Junker, diretor criativo da Munich Fabric Start.

Na hora do balanço

«Estou realmente muito contente por encontrar os nossos parceiros mais importantes em pessoa graças à Fabric Days. Posso finalmente sentir novamente o espírito que define a nossa indústria – experienciar coleções com o tato, assim como reunir informações e inspirações», sublinhou Michael Seiter, diretor da divisão de denim e chino da Strellson.

«Foi uma sensação muito boa participar novamente numa feira e ver os nossos clientes pessoalmente. Os tecidos são produtos táteis, o que não pode ser completamente substituído pelas reuniões digitais. Por consequência, estamos muito gratos pela organização da feira. Sentimo-nos sempre muito seguros com todas as medidas evidentes de higiene. No geral, os organizadores fizeram realmente um excelente trabalho, pelo que a Fabric Days pode ser vista como um exemplo para outras feiras», garantiu a Fusion CPH.

Troficolor [©Troficolor]
A mesma ideia foi veiculada pela empresa Piovese Fashion, num testemunho citado pela organização da Fabric Days. «Sobretudo nesta altura estamos à procura de abordagens para pensamento positivo e novos impulsos. Deste modo, para nós, expositores de vários anos [na Munich Fabric Start], a participação na Fabric Days nunca esteve em dúvida. E foi confirmado: a equipa conseguiu organizar a feira mesmo sob estas condições, o que tornou possível novamente ter reuniões e fazer negócios pessoalmente», referiu.

Com esta edição classificada como um sucesso, a organização prepara já as próximas feiras: a View Premium Selection, que se realiza a 8 e 9 de dezembro, e o regresso da Munich Fabric Start de 26 a 28 de janeiro de 2021.