Início Arquivo

Falta de mão-de-obra no E-Commerce

A falta de mão-de-obra qualificada nas tecnologias associadas ao comércio electrónico ameaça atrasar, ou mesmo condenar, os projectos europeus de criação de lojas electrónicas. No Reino Unido, dentro de 3 anos, não serão preenchidos cerca de 80 mil empregos relacionados com a Internet. Isto embora se pense que em 2002 a percentagem de trabalhadores que possuem actividades relacionadas com a Internet seja cerca de 3% do total. Para fazer face a este défice, as empresas europeias já começaram a virar-se para a Índia, Rússia e a Polónia. Além disso, continuam a pressionar os governos europeus e a Comissão Europeia para que estes promovam a educação em novas tecnologias no espaço europeu. Melhores e mais rápidos acessos à Internet e uma redução dos custos telefónicos, são apontados como outros factores para evitar esta falta de mão-de-obra.