Início Arquivo

Fashion Rehab

Segundo notícias vindas a público, a cantora britânica Amy Winehouse estará em negociações com a marca britânica Fred Perry para o lançamento de uma colecção de sua autoria. De acordo com os rumores, a intérprete de Rehab terá mesmo desenhado já alguns sketches para a referida marca. Estas informações provêem de turistas presentes no bar de um hotel da Ilha de Santa Lúcia, situada nas Caraíbas, que declararam aos tablóides britânicos que a cantora não conseguia esconder o seu entusiasmo acerca desta parceria, falando constantemente da mesma. As mesmas fontes referiram que Winehouse estaria com uma postura mais calma e não parecia estar a beber as quantidades de álcool geralmente associadas aos seus excessos. Amy Winehouse tem sido notícia, não só pela sua carreira musical, mas também pelos seus “vícios” e pelo seu estilo distintivo que a transformaram na musa de alguns criadores como Karl Lagerfeld. Para Amy, 2008 foi o ano em que o seu comportamento auto-destruidor, a sua adição ao álcool e às drogas e os problemas legais do marido encheram regularmente as páginas de tablóides e revistas um pouco por todo o mundo. Entre nós, a decepcionante actuação no Rock in Rio fez os presentes percepcionarem o estado decadente da cantora. Após um “annus horribilis”, espera-se então que 2009 seja de reabilitação para a imagem e para a carreira da actriz, que poderá reaparecer em grande estilo como criadora de moda. Um mundo para o qual Amy Winehouse parece ter uma tendência inata. O seu look distintivo inspirou Lagerfeld na sua colecção de 2007 para a Chanel, Roberto Cavali declarou-a «um ícone da moda porque é única» e o designer londrino de calçado Jonathan Kelsey criou um stiletto baptizado “Amy” em sua honra, cuja musa inspiradora se deixou prontamente ser fotografada com esta criação calçada. Que a “fashion rehab” de Amy, seja em 2009, uma realidade extensível a toda a indústria.