Início Arquivo

Florescer além-fronteiras

A internacionalização da moda portuguesa continua nos planos do Portugal Fashion e o projeto para 2014 arranca já este mês, nada mais, nada menos que durante a Semana de Moda de Londres. Depois do sucesso dos desfiles de Luís Buchinho e João Melo Costa em setembro de 2013, o Portugal Fashion aposta agora nos novos talentos – que habitualmente mostram o seu trabalho na plataforma Bloom –, com uma exposição integrada na iniciativa Internacional Fashion Showcase 2014, resultado do desafio lançado pela Embaixada de Portugal no Reino Unido. Carla Pontes, Carlos Couto, Cláudia Garrido, João Melo Costa, Mafalda Fonseca, O Simone e a marca Klar – um projeto conjunto dos designers Alexandre Marrafeiro, Andreia Oliveira e Tiago Carneiro – são os jovens criadores representados no stand implantado em The Strand, um espaço «concebido em jeito de instalação», segundo a organização, a cargo da Associação Nacional de Jovens Empresários (Anje), sob o conceito de «uma estufa com plantas que florescem para lá dos limites da sua estrutura». Uma metáfora perfeita para o desabrochar da moda portuguesa de autor além-fronteiras, que nesta incursão na capital britânica inclui ainda os desfiles das coleções outono-inverno 2014/2015 de Daniela Barros e João Melo Costa no Freemasons Hall, no âmbito da plataforma Fashion Scout. Londres é a primeira paragem planeada pelo Portugal Fashion para este ano, com a segunda já agendada para Paris, onde Felipe Oliveira Baptista e Fátima Lopes irão desfilar no calendário oficial e Luís Buchinho irá apresentar a sua nova coleção no programa paralelo da Semana de Moda de Paris. Já em Portugal, a próxima edição do Portugal Fashion terá lugar de 26 a 29 de março, num evento que irá contar com estreia da final do concurso Bloom Portugal Fashion, onde nove jovens designers, escolhidos entre 111 concorrentes. Ana Catarina Santos, Ana Sofia Vicente, António Joaquim Soares, Eduardo Amorim, Filipe Martinho Costa, João Rola, Mara Flora Costa, Pedro Neto Pereira e Teresa Sofia Carvalheira irão competir entre si por um dos quatro prémios que garantem «apoio financeiro e estratégico com vista à entrada no circuito profissional da moda», «um incentivo financeiro de mil euros para criação e desenvolvimento dos respetivos trabalhos» e a presença na passerelle do Bloom em outubro de 2014 e março de 2015. Estas ações colocam, indubitavelmente, o Portugal Fashion mais próximo do seu objetivo estratégico de ser «cada vez mais, um trampolim para talentos emergentes, de forma a renovar o panorama da moda nacional e a facilitar a integração de novos designers na cadeia de produção e distribuição».