Início Notícias Calçado

GDS desvenda surpresas

Depois da antecipação das datas na última edição – que decorreu em julho de 2014 – ter sido bem acolhida por expositores e visitantes, é a vez da edição de inverno da GDS também se antecipar, estando agendada para 4 a 6 de fevereiro. A feira de calçado alemã, que se realiza em Düsseldorf, prevê a presença de 900 marcas, que irão revelar as novas coleções para o outono-inverno 2015/2016. A estes somam-se 160 expositores da feira tag it!, que se realiza em simultâneo, dedicada ao private label. O ambiente positivo no primeiro evento levou a organização da feira a desenvolver este novo conceito, que estreia o espaço “Richtig Wichtig” (literalmente “muito importante”), que dá continuidade aos 10 anos bem sucedidos do Design Attack. Eddi Mackowiak desenvolveu este conceito e, pela primeira vez, vai abrir a iniciativa aos consumidores no segundo dia da GDS. O mote é “Vida em Paris”, onde estará uma cópia da Torre Eiffel, à volta da qual haverá diversas atividades, incluindo um espetáculo de acrobacias em BMX, um concurso de hip hop e o Vintage Market, com ténis, vestuário e acessórios dos anos 40 aos anos 90. Também em estreia está o projeto Design Trendsetters, incluído na área Studio. Este espaço integra 20 designers internacionais, selecionados por um júri de personalidades do mundo da moda, incluindo Ernesto Esposito (que já trabalhou para Sergio Rossi, Chloé, Louis Vuitton e Marc Jacobs), a designer belga Veronique Branquinho e Simon Collins, diretor de moda na conhecida escola de moda Parsons de Nova Iorque. «Estamos muito satisfeitos com a resposta positiva e elogios do nosso evento de estreia, mas também vimos isso como motivação para mais uma vez surpreender os nossos visitantes na próxima edição da GDS. Por isso estamos a promover o projeto Design Trendsetters com valor acrescentado extra, tornando possível ver tendências e temas internacionais logo no início da estação», sublinha Kirstin Deutelmoser, diretora da GDS e tag it!. As tendências são, de resto, um dos grandes focos da GDS, que em antevisão aponta que «a renovação é o tema do novo calçado de moda no outono-inverno 2015/2016. Os temas clássicos são reavivados. A inovação surge através de solas volumosas, mais brilho patenteado e uma mistura subtil de cores e materiais». A abertura do certame, que contará com 63 expositores portugueses, terá como protagonista a cantora e compositora canadiana Kiesza, que já compôs para Rihanna e Kylie Minogue, para além de ser vista como um ícone de estilo. «A GDS reinventou-se e a sua estreia foi um sucesso. Mas apesar de todos os elogios continuamos a ter de ser inovadores e dinâmicos. Uma artista como Kiesza, que é jovem, moderna e trendy enquadra-se. O mote do nosso evento de abertura “Fashion Zoo” mostra também o nosso pensamento: o calçado e acessórios são uma afirmação de moda – e o sector deve também apresentar-se com esta autoconfiança», considera o CEO da Messe Düsseldorf, Werner M. Dornscheidt.