Início Arquivo

Greve na Melka suspensa até dia 19

Depois da administração se ter comprometido a lançar aumentos salariais, prémios de produção e subsídios de alimentação superiores à inflação, os trabalhadores da Melka decidiram suspender a greve marcada para ontem e hoje até ao próximo dia 19. Segundo o Diário de Notícias, os funcionários juntamente com o sindicato, exigem um aumento salarial de 4,7% com retroactivos de 1 de Janeiro a 1 de Março. Em comunicado, os representantes do Sindicato dos Trabalhadores dos Têxteis, Lanifícios e Vestuário do Sul, afirmaram que «face aos resultados conquistados, os trabalhadores reuniram em plenário e decidiram, por consenso, suspender as greves por 15 dias». Para além do acordo feito, a empresa mostrou-se disposta a quebrar o contrato com a empresa de restauração que fornecia as refeições, comprometendo-se ainda a alargar o complemento de reforma por invalidez e das reformas antecipadas. Agendado para já, está um novo plenário para o próximo dia 19, que irá reunir os 630 trabalhadores, que irão desta vez avaliar a correcção salarial e confirmar o cumprimento das propostas avançadas pela administração da Melka.