Início Arquivo

Heimtextil abre 2013

O início do novo ano marca o arranque da época de feiras e a Heimtextil é a rainha dos certames internacionais de têxteis-lar, não só por ser a primeira mas também por ser a maior. A partir de amanhã, dia 9 de janeiro, e até ao dia 12 de janeiro, o mundo dos artigos têxteis para a casa – da roupa de cama ao banho e à mesa, sem esquecer os têxteis de decoração – está de olhos postos em Frankfurt, para conhecer as tendências e fazer as encomendas para as próximas estações. Cerca de 2.600 expositores de todo o mundo deverão dirigir-se à capital industrial da Alemanha nos próximos dias, entre os quais 60 expositores portugueses, dos quais 33 no sector Premium da feira, dedicada aos produtos de elevada qualidade. Destes 60 expositores, 22 contam com o apoio da Associação Textiles Selection Home From Portugal. A Associação Selectiva Moda estará igualmente presente com o habitual fórum de tendências, onde estão representados 20 produtores nacionais de têxteis-lar. A organização, a cargo da Messe Frankfurt, faz questão de sublinhar que todos os grupos de produto registaram a inscrição de novos expositores e o regresso de outros, incluindo por parte de marcas líderes da Alemanha e do estrangeiro. «O programa extraordinário da Heimtextil confirma mais uma vez a sua posição excecional como plataforma de negócios essencial para os têxteis de interiores», afirma Olaf Schmidt, vice-presidente de feiras têxteis e de tecnologia têxtil. Entre os focos de interesse para os cerca de 70 mil visitantes profissionais de todo o mundo estará a apresentação das novas tendências – nesta edição agrupadas sob o conceito “Being” – que estarão em exibição no Trend Show e em conferências com designers internacionais organizadas pelo Stijlinstituut Amsterdam (um dos gabinetes de design responsáveis por decifrar as tendências para a Heimtextil). «Os produtores reconheceram que os consumidores querem pôr o seu próprio selo nas suas casas. Os seus interiores devem refletir a sua identidade e estilo de vida individual», explica Anne Marie Commandeur, designer e diretora-geral do Stijlinstituut Amsterdam. «O mesmo acontece com os espaços públicos e o design de interiores, onde vemos um afastamento da uniformidade individual em direção a conceitos mais individuais. Esta abordagem é absolutamente crítica no Trend Show e no futuro dos têxteis-lar», sublinha a especialista, numa antevisão do que se poderá encontrar a partir de quarta-feira na Heimtextil. Para além das tendências, os visitantes podem ainda participar nas conferências “Let’s talk about…”, com destaque para os temas do comércio e marketing eletrónico (durante o dia 9 de janeiro), a indústria hoteleira do futuro (no dia 10 de janeiro) e luxo e vida urbana (no dia 11 de janeiro).