Início Arquivo

Intertex Milano não convence

A 3ª edição da Intertex Milano, salão de tecidos exclusivamente aberto a expositores não-europeus que se realizou entre 14 e 16 de Setembro, em Itália, registou um balanço de certa forma decepcionante. Apesar do aumento no número de visitantes, que atingiram os 3.288 (mais 26% que em 2001), entre os quais 980 estrangeiros, uma grande parte dos cerca de 200 expositores (dos quais 40 foram agentes) mostraram-se desiludidos com o desempenho do certame. Para explicar esta fraca adesão dos compradores, as empresas presentes apontam dois factores: por um lado, as datas da Intertex Milano, que coincidiram com as da Prato Expo e da Moda In; e por outro lado, a falta de promoção internacional deste evento. Esta edição da Intertex Milano contou com a participação de empresas de Taiwan (31), China (26), Coreia (26), Índia (19) e Turquia (14). Para a próxima sessão deste salão, agendada para Fevereiro de 2003, em simultâneo com a Moda In, estão previstas as presenças de novos fabricantes de tecidos, oriundos de países como o Brasil, Perú, Colômbia e Uruguai.