Início Arquivo

Itália disposta a cooperar com produtores chineses

O vice-secretário geral do Conselho Nacional da Indústria Têxtil, Xu Yingchun, afirmou, enquanto assistia à exibição internacional de moda em Pequim, que abriu a 27 de Março, que a indústria de vestuário chinesa fez um enorme progresso a nível tecnológico e a nível de consumo desde a sua reforma e desde que as políticas de abertura foram adoptadas há 20 anos atrás. Apesar da maioria destes produtores de vestuário chineses produzirem apenas para marcas estrangeiras, Xu afirmou que a avaliar por esta situação, estas fábricas se deveriam centrar na inovação e na criação das suas próprias marcas. Os produtores de vestuário chineses deveriam expandir a sua cooperação com os seus homólogos para alargar o volume de comércio e melhorar o design, técnicas e capacidade financeira. «E a Itália é o parceiro ideal para a cooperação a este nível,» afirmou Xu. O comissário comercial Remeo Oriandi da filial de Pequim para o Comércio Internacional Italiano, afirmou em conferência de imprensa durante a referida exibição, que os produtores de vestuário italianos estão dispostos a cooperar com os seus parceiros chineses para expandir o comércio de vestuário e maquinaria profissional e preparar os canais de distribuição na China. Mais de 40 produtores de vestuário italianos, com marcas como a ALDONEGRI e a CRISTIANO DI THIENE, fizeram parte da exibição, destacando-se em relação a todos os outros países.