Início Notícias Calçado

JJ Heitor Shoes: dois pés no futuro

A marca própria da JJ Heitor, nascida em 2013, começa agora a dar os primeiros passos nos palcos internacionais. Com o caminho iluminado pela inovação, know-how e qualidade de produção, aprimorados ao longo de 50 anos de atividade, a JJ Heitor Shoes almeja representar 10% das vendas da empresa familiar.

Somando cinco décadas de atividade no sector, a empresa JJ Heitor foi fundada por Joaquim José Heitor, homem que assumiu a tarefa de orientar o negócio dentro dos anos mais difíceis da indústria portuguesa de calçado. Hoje, a gestão é assegurada pela terceira geração da família que, honrando o nome do fundador e como marco da evolução da JJ Heitor, apresentou, em 2013, uma marca própria de calçado de mulher. «Por isso, estes têm sido anos de afirmação, ganhar mercados, arranjar parceiros que acreditem no projeto para estarmos representados em cada vez mais mercados», afirma Nuno Miranda, diretor comercial da JJ Heitor Shoes, ao Portugal Têxtil.

O mercado nacional é um dos mais importantes para a marca de calçado, mas o Canadá e o Benelux têm vindo a destacar-se dentro das vendas. «Agora estamos também a iniciar uma distribuição para a Austrália», revela Nuno Miranda, não deixando de sublinhar que «criar a identidade de uma marca é difícil, sobretudo numa empresa que não tem marca própria». «É um trabalho desde o zero, de raiz», resume.

A trabalhar os diferentes mercados com agentes e distribuidores e à venda no canal multimarca, a loja online da JJ Heitor Shoes tem merecido uma atenção muito particular, considerando que «esta estação [outono-inverno 2016/2017], as vendas online já foram significativas».

A par da presença online, a estratégia de marketing da JJ Heitor Shoes passa também pela presença em feiras internacionais, mas a seu tempo. Este ano, conta o diretor comercial, a marca esteve presente apenas na Micam, em Milão, em setembro, e fez algumas feiras locais que considerou interessantes.

Outra das montras da marca é a passerelle do Portugal Fashion e, na edição primavera-verão 2017, a JJ Heitor Shoes voltou a integrar o desfile coletivo da indústria do calçado, propondo um verão energético. A coleção, dividida em três inspirações, deu particular relevo às cores primárias e aos tons néon. Dentro das propostas, outro dos destaques foi a diversidade de materiais e os grafismos com padrões geométricos.

Desde 2012, o criativo das coleções é Pedro Alves, designer que lista no seu currículo experiências profissionais na Hugo Boss, em Itália, e no atelier Luís Onofre mas, e acompanhando as tendências do sector, a JJ Heitor Shoes é também uma das marcas que faz do Portugal Fashion o ponto de encontro entre a indústria do calçado e o talento de design nacional. Na coleção outono/inverno 2016/2017 – apresentada no calendário do certame –, a marca firmou parceria com a criadora de moda Katty Xiomara, que então interpretou seis modelos em diversas linhas.

Com os dois pés no futuro, a empresa espera que a marca própria «possa vir a significar 10% da faturação no médio prazo», antecipa Nuno Miranda ao Portugal Têxtil.