Início Arquivo

La Seda avança para avaliação da Selenis

Segundo um comunicado do grupo La Seda de Barcelona dirigido ao regulador espanhol do mercado de capitais (CNMV), o seu conselho de administração decidiu avançar com as avaliações da portuguesa Selenis e da italiana Aussapol. Ambas as empresas produzem polietileno tereftalato (PET), um polímero utilizado na produção de embalagens e outros produtos.

O grupo especialista em polímeros, que é participado pela holding Imatosgil (como accionista de referência), refere que as avaliações, incluindo auditoria financeira, têm em vista uma possível aquisição dos activos em causa. No caso de ser definido um preço justo (para os accionistas) para avançar com as aquisições, será logo definida a forma de financiamento da operação.