Início Destaques

Lectra conclui compra da Gerber

A multinacional de origem francesa recebeu a aprovação para concluir o negócio anunciado em fevereiro. A conjunção de forças das duas empresas deverá dar origem a um gigante tecnológico na área da Indústria 4.0 para os mercados da moda, automóvel e mobiliário.

A Lectra concluiu ontem a aquisição de todas as ações em circulação da Gerber Technology por 175 milhões de euros, um negócio financiado através de um empréstimo de 140 milhões de euros, a liquidez disponível e mais 5 milhões de ações novas da Lectra entregues ao AIPCF VI LG Funding, o único acionista da Gerber Technology.

«A união dos respetivos conhecimentos em inovação, as nossas ofertas alinhadas com o melhor que se faz no mercado e os nossos recursos talentosos vão permitir-nos trazer valor a longo prazo para os nossos clientes. Vamos agora estar numa posição ainda melhor para apoiar os nossos clientes em todo o mundo na aceleração da transformação digital das suas operações», afirma Daniel Harari, presidente do conselho de administração e CEO da Lectra.

A aquisição, que foi anunciada a 8 de fevereiro, foi aprovada pelo conselho de administração da Lectra a 25 de março e pelos acionistas da empresa durante o dia de ontem, 1 de junho, numa assembleia extraordinária.

Em comunicado publicado no seu website, a Gerber Technology salienta que «as duas empresas partilham uma cultura comum sobre inovação tecnológica, excelência e compromisso para com o sucesso dos clientes. Também partilham uma visão de conseguir eficiências e impulsionar o crescimento através de serviços da Indústria 4.0 e digitalização. Ao se fundirem numa só, a Lectra e a Gerber Technology vão consolidar os respetivos recursos para acelerar o desenvolvimento de novas aplicações tecnológicas para benefício da sua base conjunta de clientes em todo o mundo».

Daniel Harari [©Lectra]
Na altura do anúncio da proposta de aquisição, a Lectra indicava que o objetivo estratégico da união das duas empresas era criar um parceiro tecnológico avançado de referência, ser capaz de rapidamente responder às necessidades e dar mais valor aos clientes. «Juntas, as duas empresas terão uma grande base instalada de software de desenvolvimento de produto e soluções automáticas de corte em operação, com uma presença mundial e uma longa lista de clientes de prestígio», apontava o comunicado da Lectra.

No mesmo documento, Mohit Uberoi, CEO da Gerber Technology, afirmou que «tem sido uma honra liderar a transformação da Gerber Technology e criar uma plataforma eficiente e abrangente que permite as iniciativas de transformação digital dos nossos clientes. A Gerber Technology e a Lectra partilham uma longa história de inovação e excelente serviço ao cliente que, juntas, vão criar uma empresa ainda mais forte com as melhores soluções e serviços tecnológicos do mercado aos nossos clientes em todo o mundo».

Mohit Uberoi [©Gerber Technology]
Fundada em 1973, a Lectra registou em 2020 um volume de negócios de 236 milhões de euros, enquanto a Gerber Technology, com uma história que remonta a 1968, teve no ano passado um volume de negócios de 165 milhões de euros. Na análise aos números do primeiro trimestre, a Lectra anunciou como objetivos financeiros de 2022 para as duas entidades atingir um volume de negócios combinado equivalente a 2019, na ordem dos 482 milhões de euros, e uma margem Ebitda antes de itens não-recorrentes entre 17% e 20%, ao acrescentar «as sinergias esperadas desta aquisição à performance operacional dos dois grupos».