Início Notícias Marcas

Lectra incentiva designers

Em parceria com a Les Enphants e o Shanghai Institute of Visual Art, a Lectra organizou o primeiro concurso de design de vestuário de criança na China. Estudantes de design de moda criaram as suas propostas com apoio da solução de design têxtil Kaledo e as melhores serão integradas na coleção da Les Enphants.

Para além de explorar as mais recentes tendências de moda no mundo do vestuário de criança, o concurso serviu também como plataforma de aprendizagem e comunicação para os futuros designers. Os designs que mais se destacaram serão incluídos na gama de vestuário de criança da Les Enphants – uma empresa chinesa que produz e distribui vestuário de criança, sportswear e acessórios sob as marcas próprias Les Enphants e Nac Nac, tendo ainda a licença da marca Disney – e o vencedor irá ainda estagiar na empresa.

«Os estudantes são o futuro da indústria da moda. Destacar os grandes talentos é uma boa forma de assegurar que a indústria continua a prosperar. É por isso que a Lectra valoriza as suas parcerias em curso com instituições de ensino em todo o mundo. A Lectra já estabeleceu parcerias próximas com mais de 50 instituições na região da Grande China. Para além de lhes fornecer as soluções mais inovadoras, ajudamos no desenvolvimento de alianças entre estas institutos vocacionais e empresas conhecidas, ao mesmo tempo que promovemos a colaboração entre escolas e empresas. A nossa esperança é que toda a gente possa trabalhar em conjunto para descobrir e cultivar uma nova geração de designers talentosos para assegurar o crescimento a longo prazo na indústria de moda chinesa», justifica Andreas Kim, diretor-geral da Lectra na Grande China.

Mais de 30 estudantes de design de moda do Shanghai Institute of Visual Art entraram no concurso, que foi lançado em setembro de 2015. Diretores de design e de compras da Les Enphants deram aulas, ajudando os estudantes a fazerem pesquisa de mercado sobre as futuras tendências de moda e definir a direção de design e o estilo, ao mesmo tempo que davam diretrizes criativas.

A solução de design Kaledo, da Lectra, ajudou os estudantes a darem vida às suas ideias. Os designs submetidos foram então avaliados por um painel de especialistas da indústria, a que se seguiu uma cerimónia de entrega de prémios.

«Fiquei muito impressionado com o trabalho de todos os estudantes aqui presentes e a experiência resultante de fazer este concurso é incomensurável. Foi uma grande oportunidade para ouvirmos as vozes da geração mais nova e testemunhar o que é que eles pensaram para a indústria de vestuário de criança», destaca You Shuilian, vice-diretor de planeamento de negócio da Les Enphants. «A Lectra é uma marca reputada e é uma plataforma que junta as escolas e as empresas. Graças a esta parceria tripartida, a Les Enphants está a construir uma imagem de marca mais jovem e a jovem geração aqui presente vai em breve atingir os seus objetivos», acrescenta.

«Ao longo de toda a nossa colaboração, a Lectra mostrou ser um parceiro excecional. A empresa tem tido um papel de apoio no crescimento da educação de moda na China há anos e deu assistência na forma de tecnologia, equipamentos e formação», afirma Li Keling, reitor da Escola de Design de Moda no Shanghai Institute of Visual Art, durante a cerimónia de entrega de prémios. «A Lectra ajudou a forjar a nossa parceria com a Les Enphants. Com o total apoio da Lectra e da Les Enphants, estamos a desenvolver talento com o objetivo de responder às atuais necessidades da indústria da moda e isso irá contribuir muito para acelerar o processo de desenvolvimento da educação em design de moda na China», indica.

Com a recente entrada em vigor da nova política de dois filhos, o mercado de artigos de criança na China deverá aumentar, com o vestuário de criança a tornar-se uma grande fonte de crescimento para as empresas de moda. Adicionalmente, a crescente popularidade de programas de televisão com famílias de celebridades trouxe os filhos de personalidades chinesas para a ribalta e levou os jovens pais a seguirem as tendências de moda veiculadas por estas pequenas estrelas.

Enquanto grupo de consumo emergente no mercado de vestuário de criança, os pais nos 20 e 30 anos desenvolveram gostos e hábitos de compra diferentes dos da geração anterior. Isso, em contrapartida, indica a Lectra em comunicado, «vai despoletar uma revolução no mercado, criando novos desafios para os designers de vestuário de criança».