Início Arquivo

Marks & Spencer de volta aos lucros

A maior empresa de retalho de vestuário do Reino Unido registou um aumento de 11% no volume de vendas no trimestre fiscal terminado em Março, beneficiando da introdução de novas linhas de vestuário e da aposta no mercado doméstico, adiantou hoje a empresa. As vendas nas lojas abertas há pelo menos um ano cresceram os mesmos 11% no quarto trimestre, crescimento este impulsionado pelo aumento de 17% verificado nas vendas de roupa, calçado e artigos para o lar. As vendas de produtos alimentares subiram 4,5%. A estratégia de reestruturação da Marks & Spencer levou a cadeia britânica a fazer substituições na sua gestão de topo, ao encerramento de lojas no exterior e ao lançamento de novas linhas de vestuário, que permitiram a redução de custos e a melhoria dos resultados operacionais da empresa, depois desta ter registado prejuízos em quatro anos consecutivos. Segundo analistas, os resultados líquidos referentes ao último exercício, que serão apresentados no próximo mês de Maio, deverão também registar um crescimento. Luc Vendevelde, presidente da M&S, reconheceu que a empresa ainda tem um longo caminho até à recuperação, mas mostrou-se confiante, acrescentando que não acredita que os despesas do consumidor se mantenham nos níveis actuais.