Início Arquivo

Marks & Spencer revela nova Colecção

Os patrões da Marks & Spencer revelaram a já muito ansiada nova colecção, que esperam ser o «empurrão» para aumentar as vendas da empresa. Inicialmente disponível em 30 lojas, a nova colecção vai ser ainda colocada à venda em mais 60 locais nas próximas semanas. Ao contrário das tradicionais colecções da M&S, «Per Una» vai ser comercializada em cápsulas de moda, com calças expostas ao lado de blusões, carteiras e calçado. Esta linha foi desenhada pelo sexagenário George Davies, uma lenda do retalho britânico, que esteve por detrás do conceito das bem sucedidas lojas Next Plc durante os anos 80, e que recentemente desenhou uma linha que é elegante, apesar de não ser cara, para as lojas da Wal-Mart Asda. George Davies admitiu já ter investido £21m (6, 651 milhões de contos) no início da «Per Una», que a M&S espera que vá atrair clientes habituados a comprar em retalhistas mais chiques como a Hennes & Mauritz AB, Gap e Zara. O lançamento foi crucial para a M&S, e é também uma óptima oportunidade para o retalhista que ganhou a sua reputação através da confiança, qualidade e valor ao vender roupa interior de algodão de confiança e meias de lã grossas e justas. Davies afirmou ainda que: «a Per Una foi sem dúvida um desafio para mim, mas estou confiante que cheguei a uma linha de vestuário que irá agradar a todas as mulheres. É uma colecção sem meio termo – pensada até ao último detalhe.» A Marks & Spencer, acabou também de lançar o seu primeiro espaço de roupa para criança. O retalhista, anunciou que estava a criar uma empresa de “joint venture” para desenhar e fornecer as suas lojas com vestuário de criança, formando também equipa com um dos mais antigos fornecedores com manufactura na Irlanda do Norte, a Desmond & Sons. Com este acordo, a empresa de “joint venture” vai desenhar e produzir padrões de roupa e protótipos de vestuário, contratando depois os fabricantes e os fornecedores existentes de roupa de criança da M&S. A Desmond & Sons é fornecedor da M&S há mais de 60 anos. A escolha recaiu sobre esta empresa, devido ao seu excelente design e capacidades técnicas, assim como pelos seus conhecimentos e manufactura global. Roger Holmes, director-geral da M&S afirmou que «o vestuário de criança é complexo, por ser um mercado de crescimento rápido que exige uma abordagem inovadora. «Ao juntar forças com a Desmond & Sons, nós estamos a concentrar as capacidades e talentos do retalhista e fornecedor numa só organização, para distribuir roupa mais da moda e com maior qualidade, mais rapidamente e de uma maneira mais competitiva.»