Início Arquivo

Moda enamorada de Portugal

O mês de Fevereiro é destinado tradicionalmente ao romance e, por consequência, Vila Verde tem vindo a comemorar, desde há sete anos, esta data com uma iniciativa que projecta um ícone da cultura local numa marca emergente do turismo nacional. Na edição de 2010 de “Namorar Portugal”, o evento subjugado ao tema “Lenços de Namorados: Escritas de Amor” contará com o regresso, no próximo dia 13 de Fevereiro, do jantar romântico, que terá a presença das secretárias de Estado da Igualdade e da Reabilitação, Elza Pais e Idália Moniz. «Esta iniciativa virada para a promoção turística mexe com todos, do comum dos cidadãos aos diferentes organismos de desenvolvimento local e regional, criadores de moda nacionais, artesãos e micro e médias empresas locais, restauração, comércio e serviços, espaços de turismo rural e entidades públicas», considera António Vilela, presidente da Câmara de Vila Verde, acrescentando ainda que «queremos que Vila Verde continue a ser um concelho olhado e conhecido pela positiva e que o país tenha orgulho em se projectar a partir destes ícones culturais como o lenço dos namorados». Com 800 lugares sentados, o jantar que visa assinalar o Dia de S. Valentim acontece numa tenda gigante montada no Campo da Feira, onde também desfilarão as peças apresentadas no concurso de jovens criadores de moda, oriundos de várias escolas do país e, pela primeira vez, também criações de alunos da Galiza. Relativamente ao desfile de estilistas e modelos consagrados, este contará com peças de Anabela Baldaque, Elsa Barreto, Nuno Gama, Nuno Baltazar, Maria Gambina e Fernando Nunes, desfilados pelos corpos de Núria Madruga, Andreia Dinis, Flor, Sofia Baessa, Telma Santos e Pedro Guedes. O desfile será apresentado pela jovem actriz Mariana Monteiro. Com um orçamento que ultrapassa os 132 mil euros, a organização conta com o apoio dos empresários do concelho, que ao longo do mês de Fevereiro têm, assim, a oportunidade de promover as suas empresas e as suas actividades num concelho que tem, segundo o seu próprio lema, «1001 encantos para descobrir».