Início Notícias Gerais

Moda segura

As tecnologias e inovações aplicadas ao universo da moda, como o Rfid, tornaram-se indispensáveis e um fator crítico de sucesso pela eficiência que conferem a toda a indústria têxtil e de vestuário. Participe no suplemento “Moda Segura” que o Jornal Têxtil vai publicar em outubro e divulgue as suas soluções para segurar a moda!

Os avanços tecnológicos nas áreas da eletrónica, robótica, informática e telecomunicações constituem um elemento fundamental na conquista e ampliação de mercados, funcionando também como facilitadores nos processos da organização.

Já ninguém ignora as vantagens de implementação da tecnologia Rfid (identificação por radiofrequência), por exemplo, no controlo de stocks, no armazenamento e na disponibilização de artigos no próprio ponto de venda.

A questão da segurança é também uma preocupação constante por parte da gestão profissional da indústria têxtil, vestuário e moda, cujas soluções podem passar por sistemas tecnológicos de vanguarda. Embora a perda desconhecida no sector do retalho em Portugal esteja abaixo da média europeia, ainda representa mais de 300 milhões de euros.

Por isso, cada vez mais as empresas e marcas da indústria têxtil e vestuário estão atentas a estas questões, procurando informação que lhes permita implementar soluções capazes de tornar a sua instituição mais eficiente a todos os níveis.

Considerando a importância do sector e a necessidade fundamental que representa esta área de negócio, o Jornal Têxtil convida-o a participar no suplemento “Moda Segura”.

Está na altura de colocar a sua empresa na linha da frente para vencer num mercado cada vez mais concorrencial. Quem não aparece, não é lembrado… e pode mesmo ser esquecido!

Para obter mais informações contacte Elsa Brito (Jornal Têxtil) através do e-mail ebrito@portugaltextil.com ou pelo telefone 22 6191010.