Início Destaques

ModaLisboa ilumina primavera

A edição primavera-verão 2018 da ModaLisboa é conduzida pelo leitmotiv “Luz” e ilumina-se de algumas novidades, como o regresso de Aleksandar Protic à passerelle ou a estreia de Carolina Machado e da marca Imauve na plataforma Lab.

Locais, visitantes, turistas – todos os que se demoraram na capital lhe elogiam a luz, que já serviu de mote a músicas, exposições de arte, poemas, filmes e, agora, ao evento de moda que, a cada estação, se reinventa dentro da cidade que o batiza e acolhe.

O calendário da ModaLisboa Luz começa a contar-se no próximo dia 5 de outubro, quinta-feira, com as Fast Talks, na Estufa Fria.

Nesta edição, as Fast Talks vão cruzar a moda com a política, partilhando ideias e perspetivas com vários profissionais da indústria, críticos e artistas.

«Porque o mundo se tornou global e deixámos de poder apenas imaginar a Moda como enclausurada numa bolha, é urgente a discussão abrangente e o debate público», justifica a organização do evento de moda.

Moda e Política

A partir das 16 horas, o evento vai receber a editora da i-D Germany Alexandra Bondi de Antoni; a especialista em media e moda Aurélia Vigouroux; o professor e diretor da Polimoda Danilo Venturi; o marketeer e diretor criativo Gonçalo Castel-Branco; e o consultor e jornalista Misha Pinkhasov, num debate moderado por Joana Barrios, que poderá ser acompanhado online.

Emergentes e consagrados

As Fast Talks dão depois lugar aos desfiles, nos dias 6, 7 e 8 de outubro, com a coleção de Filipe Faísca a fechar a edição primavera-verão 2018.

O melhor da produção de moda nacional vai tomar conta do Pavilhão Carlos Lopes, no Parque Eduardo VII, com sete desfiles da plataforma Lab agendados para o jardim, tal como a apresentação das propostas da marca de calçado Eureka.

Ao todo, serão 15 os desfiles a realizar dentro de portas, incluindo a mostra das coleções dos 10 magníficos do concurso Sangue Novo – Alexandre Pereira, Carla Campos, Daniela Pereira, David Pereira, Federico Cina, Filipe Augusto, Ivan Almeida, Rita Afonso, Rita Carvalho e Rita Sá.

Os 10 talentos emergentes, selecionados por um júri que integrou Eduarda Abbondanza (presidente da ModaLisboa), Cláudia Barros (editora de moda da revista Vogue) e o designer Filipe Faísca, apresentarão as suas coleções num desfile coletivo, no dia 6 de outubro, pelas 18h00.

Depois de quatro edições a participar no Sangue Novo, Carolina Machado estreia-se na plataforma Lab, ao lado da marca Imauve, da jovem designer Inês de Oliveira. Outra novidade Lab será a colaboração de Nair Xavier com a Diniz & Cruz.

Sábado, 7 de outubro, sinaliza o regresso de Aleksandar Protic à passerelle da ModaLisboa.

As coleções de Ricardo Preto e Valentim Quaresma cruzam a passerelle na sexta-feira, Nuno Gama e Dino Alves desfilam no sábado e Luís Carvalho é um dos nomes do alinhamento de domingo. O calendário completo de desfiles pode ser conhecido aqui.

Made in Portugal

Para além dos desfiles no jardim, também a pop-up store Wonder Room irá ocupar uma área no exterior do Pavilhão Carlos Lopes, com entrada livre. A Wonder Room apresenta uma seleção de marcas e designers nacionais em áreas como o artesanato, têxtil, joalharia, vestuário, acessórios e lifestyle e será também o palco de intervenção de alguns dos seus participantes, como Tiago Loureiro, Constança Entrudo e Boon. A lista completa de marcas e designers presentes nesta edição pode ser conhecida aqui.