Início Notícias Têxtil

Modtissimo liga retoma e sustentabilidade

A próxima edição do salão português para a indústria têxtil e vestuário está confirmada para os dias 23 e 24 de setembro na Alfândega do Porto e adotou como tema Linked. Com condições de segurança asseguradas e inscrições ainda abertas, o Modtissimo tem já 75% do espaço ocupado.

Em cerca de duas semanas, revela a organização, a cargo da Associação Selectiva Moda (ASM), mais de 80 empresas confirmaram a sua presença no Modtissimo, tendo reservado cerca de 75% do espaço de exposição.

«A adesão das empresas expositoras já ocupa 75% da área da edição do ano passado. É uma forma da indústria começar a recuperar», afirma Manuel Serrão, CEO da ASM. «Haverá menos feiras no resto do mundo e estamos convencidos que uma feira nesta altura até pode ter um interesse especial», acrescenta.

Para garantir a segurança dos expositores e visitantes, o Modtissimo está a planear um conjunto de normas de higiene e distanciamento social. «A curto prazo sairão regras indicativas. Estamos a conversar com as autoridades sanitárias para perceber os condicionamentos e as medidas que têm de ser tomadas para que tudo se processe em segurança», garante Manuel Serrão.

Conectar a indústria

“Linked” foi o tema escolhido para esta edição, dando foco à ligação da indústria têxtil portuguesa à produção responsável e sustentável. «Um compromisso verde que é cada vez mais associado à etiqueta made in Portugal e que nos salões da Alfândega do Porto assumirá todo o destaque», refere a organização em comunicado.

«As empresas dos vários sectores do evento – matérias-primas, tecidos, malhas, confeção e serviços – vão apresentar as suas mais recentes novidades, com especial enfâse nas soluções sustentáveis, que têm aumentado exponencialmente na indústria portuguesa, com uma maior variedade de produtos com menor impacto ambiental, quer pela reutilização de recursos, quer pelo combate ao desperdício», indica.

Esta ligação à produção responsável estará em destaque ainda nos fóruns de

inovação iTechStyle e Green Circle, este último dedicado exclusivamente à moda ambientalmente responsável.

Na última edição, em fevereiro e no Aeroporto Francisco Sá Carneiro, estiveram mais de 500 compradores internacionais, incluindo russos, espanhóis, japoneses, alemães e americanos. De acordo com a organização, o espaço de exposição rondou os 4.500 metros quadrados e acolheu 297 coleções, que foram ainda visitadas por 6.331 compradores nacionais.