Início Arquivo

Não gostamos de negócios que perdem dinheiro»

A DSF tem vindo a sofrer uma significante quebra nas vendas, bem como as perfumarias Sephora e a cadeia Louis Vuitton, todos são negócios de distribuição que a LVHM já não considera estratégicos para o grupo de artigos de luxo, como adiantou Bernard Arnault ao Financial Times. Em 2000 a divisão de distribuição especializada representou 28% das vendas da LVMH mas já no primeiro semestre de 2001 os negócios de distribuição chegaram a perder cerca de 92 milhões de euros. «A distribuição está em queda. Nós não gostamos de negócios que perdem dinheiro e vamos regularizar a situação» afirmou Bernard Arnault. Apesar de não tencionar vender estas cadeias de lojas tendo em conta a actual situação do mercado, o presidente do grupo francês, não põe de parte essa possibilidade nos próximos dois ou três anos. Como sublinha o empresário, «vendê-los não teria um grande impacto porque a distribuição não é a nossa actividade básica».