Início Arquivo

ndia na rota do Portugal Fashion

Depois de muitas viagens entre Paris, Nova Iorque, São Paulo e diversas cidades portuguesas, o Portugal Fashion viajou até ao continente asiático e estreia-se hoje na índia. Elisabeth Teixeira é a representante portuguesa no IAF Internacional Designer Award 2009, em Nova Deli. A estilista portuguesa, de 26 anos, foi convidada pelo Portugal Fashion a participar neste concurso para jovens designers, que decorre sob o mote “Show Your Culture!”, cujo objectivo é apresentar uma colecção de senhora que seja produto do cruzamento entre cultura e desenvolvimento industrial ligado à moda. Na índia, Elisabeth Teixeira irá apresentar três coordenados com influências da «tradição portuguesa» e do «glamour e romantismo» de Paris, cidade onde a estilista viveu grande parte da sua infância. Os anos 80/90, a cultura hip-hop, de que é fã, e a arte são também referências em destaque. “Underneath the Stars” é o sub-tema sugerido pela representante portuguesa, que se baseou na sua colecção de Verão apresentada na última edição nacional do Portugal Fashion. Os designs a concurso serão apresentados num desfile durante o jantar de gala de hoje à noite e a decisão final caberá a um júri composto por um estilista, um jornalista de moda e um empresário têxtil, que terá como critérios a criatividade (40%) e a vocação comercial (60%) das propostas. Com base nesses pressupostos, serão atribuídos os prémios “Design Mais Criativo”, “Design Mais Comercial” e “Melhor Estratégia de Trabalho Com a Fábrica”. «A aposta em novos valores é um trabalho continuado do Portugal Fashion que, ao lançar jovens promessas, procura também dinamizar todo o circuito da moda nacional. Por isso, investimos neste desafio», explica Francisco Maria Balsemão, presidente da Anje, a entidade responsável pela organização do Portugal Fashion. «Mas mais do que promover o design luso à escala global, esta participação vem reforçar a presença portuguesa nas redes internacionais do sector da moda. A iniciativa envolve vários representantes associativos, nomeadamente asiáticos, europeus e norte-americanos, conta com o patrocínio de importantes marcas têxteis globais e ainda com o apoio dos Ministérios Têxtil e do Comércio e da Indústria do Governo da índia, uma economia emergente de onde chegam hoje múltiplas oportunidades», acrescenta. A participação de Elisabeth Teixeira neste concurso internacional surge na sequência do convite efectuado pela International Apparel Federation (IAF) a todos os seus associados, entre os quais se encontra a Associação Têxtil e Vestuário de Portugal (ATP). O desafio acabou por ser redireccionado ao Portugal Fashion, projecto da Associação Nacional de Jovens Empresários (Anje) que conta com o estreito envolvimento da ATP. O certame impõe que os designers nomeados para representar o seu país tenham, pelo menos, três anos de experiência no negócio da moda, pelo que a escolha de Elisabeth Teixeira se deveu à «postura eminentemente criativa e simultaneamente comercial» da estilista, segundo o comunicado do Portugal Fashion. A criadora portuguesa participa há vários anos no Portugal Fashion, vendendo as suas colecções através do seu próprio atelier – Quarto de Vestir –, no Porto, e de lojas multimarca um pouco por todo o país, contando também, desde Julho, com uma representação em Barcelona.