Início Arquivo

Nike reforça presença no vestuário

Os tempos mudam, e as marcas também. Confrontada com uma distribuição na Europa que não serve de forma adequada os seus objectivos de marketing e vendas definidos nos Estados Unidos, a Nike, marca líder em vestuário desportivo, prepara-se para abrir novas lojas em Paris e Barcelona. Assim, após a recente inauguração das suas lojas em Viena (Áustria), Milão (Itália) e Lisboa, a marca americana prepara-se para avançar com novas superfícies comerciais nas cidades de Paris e Barcelona. Situada na esquina do “Corso Buenos Aires” com a “Viale Tunisia”, no centro mais movimentado do comércio de Milão, a loja da Nike nesta cidade italiana foi inaugurada no final do ano passado e ocupa uma superfície de 350 m2, parte importante dos quais são ocupados pelas colecções de vestuário. Esta loja conta com dois andares, decorados sob o signo da emoção e da grande preocupação da marca em compreender melhor os seus clientes e as respectivas necessidades. No primeiro piso encontram-se as colecções de vestuário, calçado, acessórios para homem, senhora e crianças dos 0 aos 14 anos, e ainda a “Tek Zen”, linha inspirada no ioga, enquadradas por posters gigantes e écrans de vídeo com imagens dos atletas patrocinados pela marca. No segundo andar desta loja, dominado por uma decoração mais sofisticada em que predominam as paredes negras, é ocupado pelas colecções de relógios (“Nike Timing”), óculos (“Nike Vision”) e produtos audio (“Nike Sport Audio”). As novas lojas na capital francesa devem abrir as portas na primeira quinzena de Abril e um pouco mais tarde em Barcelona. Em Paris, tratam-se de dois estabelecimentos destinados a segmentos diferentes de clientes. A loja dos Champs-Elysées ocupará 650 m2 e apresentará as colecções para homem, senhora e criança, além dos produtos para desportos técnicos, apostando apenas na vertente das vendas. O estabelecimento de Saint-Germain-des-Prés, contará com uma área de 320 m2 e não incluirá produtos para criança, dedicando-se mais às colecções de moda. A nova loja da Nike em Barcelona vai ocupar 510 m2 nas Ramblas, por onde passam semanalmente mais de um milhão de pessoas e onde já se situam lojas de marcas como a H&M e a Décathlon. Em Espanha, os produtos da Nike são actualmente distribuídos em lojas multimarca e em armazéns como El Corte Inglés. Segundo Jean-Pierre Petit, director-geral da Nike em França, “este modelo de lojas da marca vai limitar-se para já às grandes capitais europeias, e se os resultados forem positivos, consideraremos então exportá-lo para outras cidades e localizações, dentro de três ou quatro anos”. A marca prevê assim rever a sua fórmula de distribuição, de forma a melhorar os seus resultados quantitativos e qualitativos, conclui este responsável da Nike em França.